2016-08-27

Carta Aberta ao Dr. Mário Soares e sua Fundação: Justiça ao “grande” ALM=Advogado-Ladrão-Mafioso para AVI-VAS=Associação de Vítimas de Injustiças e Voluntários de Ação Social,




Um caso pessoal de luta por justiça, andou nos tribunais italianos com duas condenações mais uma num tribunal de Portugal. Mas na verdade estas condenações para um “grande advogado”, grande ladrão e "pequeno" mafioso, socio de um grande boss mafioso italiano segundo ele me disse, só me penalizou a mi e contribuintes portugueses e italianos em vários milhares de euros para nada. O próprio juiz do tribunal que o condenou a pagar-me 26.000.000 liras italianas e 9 meses de prisão por ameaças mafiosas continuadas, desabafou que eu nunca verei aquele dinheiro nem irá para a prisão. Passadas dezenas de anos e várias condenações em Itália e Portugal nem foi para a prisão nem pagou um tostão.
Reformar esta justiça foi a melhor prioridade do melhor político da história mundial que eu conheço em inteligência pragmática e eficiência.
Mário Soares foi o político de Portugal que mais admirei. Era Presidente de Portugal quando o caso do “grande advogado”, (que passarei a chamar: "GALM=Grande-Advogado-Ladrão-Mafioso"), começou. Escrevi-lhe um email, recebi resposta e segui as instruções. Imagino que quem trabalhou para Mário Soares e quem hoje trabalha na sua Fundação tem um mínimo de moral, ética e deontologia inspirada no grande personagem: MÁRIO SOARES, e é sensível aos valores de melhor política e justiça para o futuro de Portugal. Por isso lhes faço uma proposta para contribuir a um melhor prestígio da Historia do Dr. Mário Soares, sua Fundação e sua herança política, moral e histórica:
Dão-me colaboração para obter justiça e se conseguirmos que o “GALM=Grande-Advogado-Ladrão-Mafioso" pague aquilo a que foi condenado concedo à Fundação Mário Soares a administração desse dinheiro para a criação de uma AVI-VAS=Associação de Vítimas de Injustiças e Voluntários de Ação Social, orientada para melhor justiça, sobretudo para vítimas de injustiças que não têm meios de pagar melhores advogados. Eu estou disposto a trabalhar gratuitamente para a AVI-VAS, inclusivamente por tempo superior ao de um normal empregado, desde que me proporcionem um mínimo de sobrevivência.
As condenações não têm efeito porque não é possível encontrá-lo. Imagino que com a legislação e justiça atual mesmo que seja encontrado não pagará nada. Sendo um grande advogado encontrará sempre novos meios de fugir à verdadeira justiça. Imagino que só com uma NJF=NÉO-Justiça-Futura pode ser condenado a pagar verdadeiramente.
A Fundação Mário Soares pode aumentar o seu prestígio e influência política se contribuir para uma justiça mais eficiente contra este e outros dos piores advogados-ladrões-mafiosos ou piores criminosos aos quais a justiça tradicional não faz verdadeira justiça.
Se a Fundação Mário Soares quer colaborar para que este grande advogado seja encontrado e ao menos pague a última sentença de Portugal, poderá usar esse dinheiro para uma melhor justiça contra piores advogados que melhor sabem como evitar as condenações da justiça tradicional.
A justiça de Portugal terá mais prestígio se este grande advogado ladrão mafioso pagar ao menos o equivalente a 26.000.000 de liras mais os juros, conforme a última condenação de Portugal.
Esta condenação seria um grande contributo para um futuro melhor.