2006-11-28

Neo-fórum de vif: voluntáruios inventores do futuro
Neo-fórum na fantasia de um “ Neo-Machiavelli”, “Advogado do Diabo”, ... , de voluntários de ideias para um mundo melhor :

O melhor fórum de Internet pela facilidade tecnológica e de estrutura é dos mais anticlericais, contra Papas, Igreja Católica, USA, Israel, G8, contra os melhores, defesa dos piores, dos criminosos, ditadores e terroristas: Indymedia, (1) .
Sugiro às religiões mais sociais, aos governos das melhores democracias e em especial à ONU de criarem ou apoiarem a criação de um fórum com a mesma estrutura mas com uma linha editorial democrática, uma cultura dos melhores e não dos piores como acontece em geral neste fórum. Eu estou disposto a colaborar.
Muitas das minhas ideias encontram-se publicadas em diversos sitos, fóruns e blogs mas quem quizer a evolução mais recentes ou tratamento jornalístico de determinado assunto pode pedir-me por e-mail: piresportugal@@@hotmail.com (@@@=@ para evitar spam automático).
>>>=para saber mais:
Ideias para um mundo melhor , BLOG , DIÁRIO , Ideias e sugestões para um governo global da ONU ou USA-ONU AVI (blog) - Associação de vítimas de injustiças (em formação)
Neo-forum-ONU-VATICANO-GATES-GLOCAL-MULTINACIONAIS-USA-ISRAELONU-UNESCO-forum para um futuro global
ONU, governo mundial: fórum de ética, cultura e democracia globalFome, capitalismo, comunismo, anarquia, guerra e informação Indymedia
Fórum de voluntários e ideias para um mundo melhor
PPPP: PRINCÍPIO DE PIRES OU DAS PRIORIDADES EM PIRÂMIDE
Jovens, juventude ... vossas ideias ... e recordação de quando era jovem
Gates2008: Se eu fosse Bill Gates...
Bill Gates fan club: voluntários de acção social, beneficência, filantropia e solidariedade
Bill Gates, Bill Clinton, Che Guevara, AIDS, mortos de fome e Neo-ONU
Paz: dos pacifistas de Che Guevara à Neo-ONU, da luta à colaboração de classes
O capitalismo no fórum Indymedia
Spam justiça e ética global
Justiça tradicional: velha, estúpida, impotente... Ideias para uma revolução judicial
TEMPO E ÉTICA GLOBAL
ONU, GLOBALIZAÇÃO E SERVIÇOS SOCIAIS (IDEIAS E SUGESTÕES)
Tempo, linguagem universal, abreviaturas internacionais e standard
JUSTIÇA OU ESCÂNDALO: CARTA ABERTA PARA POLÍTICOS E RESPONSÁVEIS PELA JUSTIÇA EM PORTUGAL
Fffff=Filosofia de um falido no fff=fórum dos fanáticos falidos
Bush, Iraque, Vietname, Saddam, USA, CIA, legalidade e relatividade da inteligência ou estupidez na justiça, política, censura e opinião pública anti-americana de Indymedia.
Vietname, Iraque, inteligência, ética, pacifismos parciais de certa Itália e Indymedia
Jornalismo à italiana: Fallujah, o “massacre oculto”, “verdade” de Rai e de Indymedia
Saddam, pena de morte, civilidade americana, mafiosa, de Indymedia e de um Neo-Machiavelli
Papa João Paulo II: globalização da justiça, perdão, solidariedade, liberdade e diálogo entre religiões e políticas mesmo diferentes para a paz mundial
Frei Bento Domingues, teologia das realidades terrestres, dos pobres, dos guerreiros, dos pacifistas de Che Guevara e do tribunal para o Iraque
e-Teologia: à procura de um Deus nos meios de comunicação electrónica e multimedia, do passado e futuro, global e local, para todos os crentes e descrentes, ... >>> Fórum especialmente dedicado aos antigos alunos do seminário de Gouveia e a todos os que se interessam por ideais sociais e religiosos.

(1) Escrevi muito neste fórum antes de passarem a cancelar-me tudo o que colocava:

Indy anti-Papa. Porquê? O que mais me impressionou nos últimos tempos foi o interesse positivo despertado pela morte do Papa João Paulo II em todo o mundo, (1), e o negativo neste fórum, (2). Porquê?
(Pires+Portugal em 2005-04-07 03:07:32)
Mensagens do Papa e interpretações: Democracia, tolerância, paz, bem e mal A homenagem aos mortos só tem sentido na medida em que serve aos vivos.
(Pires+Portugal em 2005-04-08 03:55:59)
Papa João Paulo II, anarquismo tradicional e perspectivas para um anarquismo do futuro Em nenhum meio de informação encontrei o Papa João Paulo II mais criticado do que neste fórum. Alguns escandalizaram-se muito quando lhe atribuí o adjectivo de anarquista.
(Pires+Portugal em 2005-04-05 11:07:19)
Papa João Paulo II, global, glocal comunismo, capitalismo e anarquismo Elites de todo o mundo das mais diversas crenças e políticas deram elogios ao Papa e aceitaram-no mesmo quando não se mostrou favorável à sua política:
(Pires+Portugal em 2005-04-04 11:16:26)
Papa, G8 e cultura indy vistos de Itália A norte do Papa mobilizou a opinião pública italiana de forma nunca vista de minha de minha recordação. A única vez que vi a opinião pública italiana de forma aproximada foi durante o G8 de Génova em
(Pires+Portugal em 2005-04-03 13:41:48)
papa joão paulo II Homenagem ao homem vindo do comunismo e carta aberta ao futuro eleito
(Pires+Portugal em 2005-04-03 08:20:04)
Papa João Paulo II morre denunciando ''poderes do mal que dominam Humanidade'' De todo o mundo, pessoas dos mais diversos credos prestam suas últimas homenagens ao papa João Paulo II.
Indy no seu melhor e pior Indymedia é uma forma revolucionária de fazer jornalismo e comunicação.
(Pires+Portugal em 2005-04-05 03:18:14)
Globalização, emigração e invenção do futuro O futuro é global e todos somos convidados a inventar um mundo melhor.
(Pires+Portugal+ em 2006-02-16 12:36:09)
Fome, miséria e contrastes da informação Num país a maioria católico como Itália, certa informação parece mais pró-islâmica. Medo, cobardia, populismo anti-americano, masoquismo ou hipocrisia?
(Pires+Portugal+ em 2006-03-01 08:02:30)
Fome, emigração, ética e justiça global Morrem todos os dias 20.000 pessoas de fome, dos quais 8.000 são crianças.
(Pires+Portugal+ em 2006-02-14 12:22:19)
Adopções, informação, justiça e crianças que morrem de fome Às 8h.22 de 2006-01-30 já vi em Itália dois noticiários com as imagens do Brasil de uma criança neo-nata ainda viva encontrada a boiar num lago dentro de saco de plástico ... Milhares de pessoas a querem adoptar..
(Pires+Portugal+ em 2006-01-30 03:39:45)
Bill Gates dará «aula» a ministros e autarcas em Lisboa O patrão da Microsoft, Bill Gates, vai dar no final do mês, em Lisboa, uma «aula» a ministros, autarcas e dirigentes da administração pública sobre novas tecnologias e a modernização administrati
(pt_ugo em 2006-01-20 11:35:29)
“Cruzada racista contra los musulmanes” ou contra certa “civilidade ocidental”? Muitos islâmicos condenaram o terrorismo religioso e mostraram fazer parte de certa “civilidade ocidental”. Muitos “ocidenais” colocaram-se da parte dos terroristas islâmicos contra certa “civilidade ocidental”.
(Pires+Portugal+ em 2006-02-28 08:35:28)
Paz e processo a Bush ou aos pacifistas parciais de Saddam, Che Guevara e Osama? Numa escola superior dos USA um professor propôs um processo a Bush. Eu pergunto se será mais justo e mais útil para a paz um processo a Bush ou aos pacifistas parciais de Saddam, Che Guevara e Osama?
(Pires+Portugal+ em 2006-03-04 10:08:40)
Sátira satânica e peregrinação do ódio contra os “cães infiéis” Uma peregrinação do ódio contribuiu para a lavagem ao cérebro dos fanáticos islâmicos que agora explodem contra os “infiéis”.
(Pires+Portugal+ em 2006-02-12 06:04:49)
A civilidade de alguns árabes e a hipocrisia de outros “ocidentais” O egipsiano Magdi Allam critica os extremistas islâmicos que decretaram a morte dos autores das “caricaturas satânicas"...
(Pires+Portugal+ em 2006-02-07 08:31:49)
Maomé, sexo e religiões Ao ler nestes dias um pouco da história de Maomé imaginei que a sua real vida sexual poderia ser mais erótica, imoral e ilegal do que muitos filmes pornográficos.
(Pires+Portugal+ em 2006-02-03 16:27:25)
ONU, Guterres, aviária, gato morto, mortos de fome, refugiados e futuro global Um gato morto na Alemanha foi um dos assuntos principais das primeiras páginas, tgs, opinionistas de TV, etc.... da informação italiana de 2006-03-01.
(Pires+Portugal+ em 2006-03-01 07:27:19)
Indymedia e informação do futuro Indymedia, na sua versão portuguesa, = melhor fórum de Internet ... Não posso dizer o mesmo da versão italiana.
Revolução cultural global ou fome, guerra e violência? Todas as revoluções económicas e políticas e tiveram a sua parte cultural e muitas vezes religiosa. A globalização é a característica principal do presente e futuro.
(Pires+Portugal+ em 2006-03-27 11:42:11)
Libertários, sonhadores e fantasistas das boas intenções Certos libertários parecem-me idealistas completamente fora da realidade: “Para os libertários a sua verdadeira constituição está nas assembleias populares, onde tudo é decidido e aprovado por todos e por cada um,
(Pires+Portugal+ em 2006-04-11 02:02:00)
Bill Gates e capitalismo no seu melhor, anarquismo no seu pior As multinacionais são desejadas pelo Presidente do Senegal como fonte de desenvolvimento para o seu país e para toda a África. Para certos anarquistas as multinacionais são responsáveis dos piores males.
(Pires+Portugal+ em 2006-04-18 06:27:26)
Fome, ricos, pobres, capitalismo, comunismo, anarquia, guerra e violência Na prática os USA livraram uma parte da Alemanha do nazismo e comunismo, implantaram fábricas com ganhos para todos: americanos, alemães e emigrantes.
(Pires+Portugal+ em 2006-05-03 06:41:02)
Europa, direitos humanos e justiça mais ou menos severa? (Sondagem de opinião) Mais direitos para uns corresponde quase sempre a menos direitos para outros.
(Pires+Portugal+ em 2006-05-07 13:29:03)
Dia da Língua Portuguesa comemorado na UNESCO A ONU e UNESCO não fariam melhor em promover uma segunda língua universal? Que dirão outras línguas mais faladas se não tiverem as mesmas atenções da ONU? (Pires+Portugal+ em 2006-05-09 09:07:43)
Criminalidade e prisões no Indymedia de Brasil Depois de vários dias com a criminalidade e prisões em primeiro plano informação de Itália fui ao Indymedia do Brasil e não encontrei nada. Voltei dias depois da continuação da violência nas pr
(Pires+Portugal+ em 2006-05-20 06:53:12)
Emprego, emigração, criminalidade, muros pontes, políticos, cómicos, artistas, idealistas, no-global ... Falta emprego e falta quem faça muita coisa ... Construem-se muros mas faltam pontes ... Mafias recebem as economias de pobres africanos prometendo-lhes entrada na Europa através de Espanha ou Itália ... Espanha construi muros ... (Pires+Portugal+ em 2006-05-24 03:20:15)
Marxismo no seu melhor e pior O melhor da teoria marxista: as infra-estruturas determinam as super-estruturas. O dinheiro e como se ganha o indispensável pela sobrevivência e pelas necessidades mais urgentes determina a política, cultura, ideologias, religiã
(Pires+Portugal+ em 2006-03-30 14:13:49)
Cuba, Castro progressista, crise do imperialismo e a oportunidade da América Latina “Hoje vemos um crescimento de governos progressistas na América Latina.”
(Pires+Portugal+ em 2006-03-31 11:54:19)

Violência e anarquismo no passado e futuro Violência e França revolucionária ou reaccionária? A violência foi quase sempre considerada revolucionária. Numa democracia pode ser considerada revolucionária?
(Pires+Portugal+ em 2006-03-30 14:11:41)
USA, paz, história e opinião pública dos pacifistas de Che Guevara, de Hitler, dos ditadores e dos terroristas Em 40 anos de informação raramente ouvi falar de paz e pacifismo sem vir em primeiro lugar as acusações aos USA, bomba atómica e Vietname. Mais recentemente entram Kosovo, Afeganistão, Iraque.
(Pires+Portugal+ em 2006-03-25 10:15:14)
Anarquismo, capitalismo, comunismo ou uma democracia global da ONU? Certo anarquismo tradicional caracteriza-se pela globalização da luta dos desempregados, precários, pobres e emigrantes contra o capitalismo.
(Pires+Portugal+ em 2006-03-23 06:34:36)
Violência, elites e miséria num futuro global O emprego é um problema do sistema capitalista. Nos sistemas comunistas não existia. Mesmo os mais incompetentes tinham a certeza de trabalho nos sistemas comunistas.
(Pires+Portugal+ em 2006-03-21 13:36:07)
Violência, anarquismo, ditaduras e democracias Na Bielorússia vence as eleições o candidato pró-Russia que ameaça torcer o pescoço a quem causa desordens. Na França os desordeiros da rua ameaçam os eleitos democraticamente.
(Pires+Portugal+ em 2006-03-20 03:44:04)
Fome, ONU, criatividade, ética e justiça para um futuro global Sempre morreram de fome. Mas com a globalização aumentou o conhecimento, alterou-se a sensibilidade ética e de justiça. (Pires+Portugal+ em 2006-03-20 03:40:31)
Paz e danos das boas intenções dos pacifistas parciais O problema de certos pacifistas é serem parciais e terminarem por dar o poder aos piores ditadores, guerreiros e menos pacifistas. (Pires+Portugal+ em 2006-03-19 08:38:49)
Violência dos jovens, justiça Europeia e de Estaline No tempo de Estaline os anti-sociais eram condenados a trabalhos forçados. Hoje os mais honestos contribuintes são forçados a trabalharem para pagar os danos de alguns.
(Pires+Portugal+ em 2006-03-19 08:06:34)
Bill Gates, new-global e no-global Bill Gates investe num futuro new-global. Os no-global mais reaccionários, estúpidos e ignorantes combatem os benefícios da globalização.
(Pires+Portugal+ em 2006-02-03 13:26:24)
Bill Gates, bem vindo a Portugal Carta aberta de um fan do seu trabalho.
(Pires+Portugal+ em 2006-01-25 12:25:49)
Iraque, Saddam, Hitler, Bush, USA, factos e interpretações de certa informação popular ou populista Quase só contra quase todos: Os USA fizeram mais bem do que mal ao mundo e a “resistência” apoiada por certo Ocidente causa mais danos que benefício para o Iraque e para o mundo.
(Pires+Portugal+ em 2006-03-21 13:34:00)
Matar Berlusconi na fantasia dos italianos O diário “Libero” de 2005-06-11 publicou em primeira página como principal título: “Uccidere Berlusconi”. Num ano foram publicados 4 livros literários sobre a morte de Berlusconi, um deles publicado por uma sua editora.
(Pires+Portugal+ em 2005-10-13 09:55:53)
Superioridade Americana e inferioridade de certa informação e opinião pública Os USA condenaram 25 pessoas pelas suas “torturas” que muitas vezes não passaram de humilhações sexuais sem sangue nem ossos partidos.
(Pires+Portugal+ em 2006-03-13 05:13:42)
Violência, anarquismo, ditadores, democracias e ideias para a paz num futuro global A violência quase sempre foi considerada boa e heroísmo quando feita dos “nossos”, pelos “nossos” valores. Os novos meios de comunicação e informação tornam o mundo mais global mesmo contra a vontade e violên
(Pires+Portugal+ em 2006-03-17 09:18:27)
Kosovo, Milosevic, guerra e paz: superioridade intelectual, ética, moral e filosófica americana Os americanos lideraram uma guerra que com 11.000 mortos pôs fim à guerra que já tinha causado centenas de milhares de mortos e entregou o pior responsável à justiça.
(Pires+Portugal+ em 2006-03-15 06:10:48)
Direitos de autor, propriedade intelectual, ética e justiça Sem protecção dos direitos de autor falta o principal estímulo à investigação, inovação e criatividade com danos para toda a sociedade. Com demasiada protecção prejudica-se a popularida
(Pires+Portugal+ em 2006-03-13 05:16:00)
Voluntários humanitários sequestrados no Afeganistão Nos últimos tempos foram 10 voluntários humanitários sequestrados. Desses 9 morreram, 3 mulheres foram violadas antes de serem assassinadas e a última, a italiana Clementina da ONG Care está ameaçada de morte.
(Pires+Portugal em 2005-05-22 01:53:06)
Berlim, monumento à memória do holocausto e arte ou estupidez? Um monumento com milhares de cubos de cimento para recordar o holocausto a ocupare uma área que podia benebiciar milhões de pessoas todos os dias. Arte ou estupidez?
(Pires+Portugal em 2005-05-10 14:48:51)
Deus global para laicos e todas as religiões Todas as religiões acreditam que o seu Deus é o verdadeiro e todos os laicos acreditam que os deuses são falsos, não existem ou ...
(Pires+Portugal em 2005-04-14 07:16:02)
Axum, arte, ONU, Unesco, FAO e mortos de fome Axum, arte, um símbolo fálico ou de estupidez? ... roubado por Mussoline...transporte de armas para África ...onde morrem tantos de fome.
(Pires+Portugal em 2005-04-28 02:25:34)
Indymedia e FBI no seu melhor e no seu pior Indymedia representa o melhor sistema de oipnião e informação ... FBI é dos melhores meios para combater o que eu considero o pior da sociedade actual e futura: criminalidade e terrorismo.
(Pires+Portugal em 2004-10-21 00:35:45)
heróis do capitalismo, comunismo e anarquismo Duas mortes quase fizeram parar a vida em Itália e monopolizaram os meios de informação: o campeão da economia Agnelli e o campeão da bicicleta Pantani: "HASTA LA VICTORIA!!".
(PIRES+PORTUGAL em 2004-02-19 20:25:46)
guerras, éticas, leis, direitos humanos e prioridades Na educação que tive e que aceitei sem discussão por mais de 40 anos, o Vietnam e as bombas atómicas foram os piores horrores humanos da História da Humanidade... Castro não só falou com orgulho da sua ac&
(PIRES+PORTUGAL em 2004-02-13 10:28:37)
inteligência e ética, Psicologia, sociologia e filosofia aplicadas ao desenvolvimento das capacidades individuais para um mundo melhor.
(PIRES+PORTUGAL em 2004-02-07 15:58:07)
paz, mário soares, política, populismo e heroísmo Mário Soares foi dos políticos populares que mais se opuseram à guerra no Kosovo e no Iraque. Mário Soares foi considerado o principal herói vivente de Portugal no final do século passado. Foi herói ...
(PIRES+PORTUGAL em 2004-04-02 17:44:24)

2006-10-06

G8, FSM, no-global e Indymedia: simpatia pelos objectivos e antipatia pelos métodos
Os objectivos prioritários do G8 de Génova foram a redução da fome e miséria no mundo. Os principais opositores e contestadores do G8 de Génova, foram certos violentos no-global e certa informação, particularmente Indymedia. Passaram vários G8 mas a glória de Indymedia continua a ser a defesa dos violentos do G8 de Génova. Em minha opinião é a sua vergonha e a vergonha dos seus métodos que contribuíram para mais mortos de fome.
Gostaria de participar ao próximo “Fórum Social Mundial” que se realisará entre 20 e 25 de janeiro de 2007, em Nairóbi, no Quênia, (1), e agradeço se algum meio de informação me quer financiar a participação para escrever reportagens com uma visão crítica do movimento e colocar a minha criatividade ao serviço da resolução dos problemas globais de um futuro cada vez mais global. Considero certos violentos no-global estúpidos ou ignorantes, outros ingénuos cheios de boas intenções e poucos inteligente nos métodos e meios de atingir os seus objectivos. (>>> No-global, arte, cinema e informação indymedia no seu melhor e pior ).
Ao contrário de Indymedia que dá prioridade a transformar em herói um violento marginal delinquente, eu gostaria de participar a este fórum para dar mais voz aos mais inteligentes que ficam ofuscados pelos violentos.
Certa informação só dá importância ao popular e populista. Eu procuro dar voz a ideias criativas de voluntários inventores do futuro sem o populismo dos que pensam que um mundo melhor se constrói destruindo o mundo dos mais inteligentes.
As minhas prioridades são a fome do mundo, o desemprego, emigração dos pobres para os países mais ricos. Alguns pensam que os problemas se resolvem tirando aos ricos para dar aos pobres, abrir as fronteiras e dar papeis de refugiados políticos a todos os emigrantes ilegais. Eu penso que estão à vista os resultados de Albânia, Camboja, Coreia do Norte, Índia Rússia e China. Na Coreia do Norte, mais desconhecida no Ocidente, mataram mais de 3 milhões dos mais ricos, 91% dos médicos que eram dos mais ricos por corresponderem a uma necessidade social. Hoje a Coreia do Norte é um dos povos mais miseráveis do Globo. Um turco criminal sequestrou um avião da Albânia à Turquia e obrigou-o a aterrar em Itália para pedir asilo político e a intervenção do Papa por se afirmar convertido ao cristianismo. Imagino que se mantinham em vida milhares de inocentes com os custos sociais destes comportamentos muito espectaculares mas que para beneficiarem alguns criminosos deixam milhões a morrer de fome.
Eu creio mais no efeito da evolução do que de certas revoluções. As revoluções culturais têm melhores efeitos das revoluções violentas.
Os muçulmanos não comem carne de porco por uma razão de sobrevivência: o porco come os mesmo alimentos do homem. Se em vez de porcos se criarem cabras que comem o que não come o homem ganha-se por 2 razões: leite e alimenta-se do eu não que não é comido pelo homem.
Na Índia as vacas são sagradas porque eram a principal fonte de sobrevivência... Mas eu penso que o mundo beneficiava de uma revolução cultural alimentar com mais cereais, frutas, verduras e legumes em vez de carne. Podiam alimentar-se várias pessoas a mais e com mais saúde se comessem menos carne.
Na China comem cães e em Itália ficaram muito escandalizados por haver restaurantes chineses em que os clientes podem escolher um cão ainda vivo para ser cozinhado. Mas não se escandalizam por haver restaurantes em que se faz o mesmo com lagostas ou peixes.
Segundo um estudo só com a comida que vai para o lixo a Roma podia alimentar-se um milhão de pessoas, com os alimentos que os italianos deitam para o lixo podia salvar-se da morte de fome de outra tanta população como a sua, mais 50 milhões. Daí deve começar a revolução cultural. Por exemplo com filmes chocantes dos costumes consumistas: >>> Bill Gates2008 e o PROFETA DO LIMPA O CU AO GUARDANAPO (Cenas para argumento de filme cómico em preparação ).
>>> Mais:
O capitalismo no fórum Indymedia
Iraque, Saddam, Bush, e pacifistas de Indymedia
JIIMM: JORNAL INTERNET DE IDEIAS PARA UM MUNDO MELHOR
Carta aberta a fabricantes de torneiras
Nos próximos dias 13, 14 e 15 de outubro realiza-se em Almada o forum social portugês 2006. www.forumsocialportugues.org
(1)
Das 133.000 páginas em português sobre World Social Forum 2007 seleccionei:
Fórum Social Mundial :A sétima edição do Fórum Social Mundial será realizada entre 20 e 25 de janeiro de 2007, em Nairóbi, no Quênia. >>> http://consultation.wsf2007.org/ .
Balanços do FSM 2006 policêntrico:
- Antônio Martins - Que outro mundo é possível (português) (inglês)
- Boaventura de Souza Santos – O mundo solidário, 2006 (português)
- Cândido Grzybowski - Nova cultura política contra a globalização neoliberal (português
- Cândido Grzybowski - Um Fórum Social Múltiplo (português)
- Cândido Grzybowski - Fórum Social Mundial – a reinvenção da democracia (português)
- Cristina Charão - Sobre Mister Danger e a revolução (português)
- Daniel Fonseca - Socialismo ou morte (português)
- Francisco Whitaker - O Forum Social Mundial Policentrico de 2006: o que está em jogo, os desafios (português) (francês) (inglês)
Francisco Whitaker - Rumo ao Quênia em 2007 (português), (inglês) - Gilberto Maringoni
– FSM CARACAS - Gigantinho 2 – A missão (primeira parte) (português), FSM CARACAS
- Gigantinho 2 - A missão, Parte 2 (português)
- Informes Abong 337 – O Fórum Social Mundial 2006 (português)
- Instituto Isaac Akcelrud - Um passo à frente (português)
- José Correa Leite – Reflexões sobre o futuro do FSM (português), (inglês)
International Ciranda of Independent Information : deve consolidar aumento da participação africana no ...
WSF Porto Alegre - January 2005 : O ato pró-Chávez no Fórum Social Mundial 4/2/2005; pt (((i)))
Conferência de preparação dos protestos anti-g8

2006-09-09

Anti-americanismo e jornalismo para a história da opinião pública
Bush admitiu as prisões secretas fora dos USA para interrogar menos de 100 terroristas, que permitiram evitar vários ataques terroristas, mas sem autorizar o uso de torturas. Estou convencido que as supostas torturas americanas de menos de 100 terroristas causaram mais escândalo nos últimos 3 anos em Itália e na maioria dos meios de informação “Ocidentais” do que milhões de torturas até à morte em regimes comunistas e islâmicos. Imagino que com melhores torturas e melhor uso da pena de morte por um torturado se podiam salvar de sofrimentos piores e da morte muitos inocentes. Não digo mais torturas ou mais pena de morte mas melhor aplicada: sempre condicional e sempre só se depois de confirmadas as culpas do sacrifício de inocentes não quisessem colaborar para indemnizar as vítimas e denunciar os cúmplices.
(Nota: este tema é hoje considerado tabu em Itália e escandaloso em Portugal como se pode ver nos coentários a: “Salvar milhões com algumas torturas a mais...?” Penso que um dia será considerado lógico ).
No Brasil o anti-amercanismo parece ser pior:
“Desde a década de 80 os brasileiros estão privados de informações, por exemplo, sobre tortura e mortes de prisioneiros em Cuba, sobre as contínuas fugas de funcionários importantes do regime cubano, sobre o envolvimento pessoal de Fidel Castro no tráfico de drogas etc. Estão privados de informações sobre os contínuos preparativos da China para uma guerra nuclear, sobre o apoio da Rússia e da China aos movimentos terroristas, sobre as novas e mais temíveis funções da KGB etc. Estão privados de informações até mesmo sobre a direita norte-americana, cujos atos e palavras só nos chegam na sua versão monstruosamente distorcida fabricada pelos Clintons et caterva. Estão privados de informações sobre praticamente tudo o que os historiadores descobriram, ao longo de mais de uma década, em pesquisas nos arquivos de Moscou. A simples enumeração desses temas ausentes na nossa imprensa já basta para provar: na grande mídia brasileira não existe jornalismo nenhum. Existe apenas manipulação a serviço da esquerda.” - http://www.midiasemmascara.org
Em certos meios de informação preferem aliar-se aos piores ditadores e terroristas para combater os americanos:
Kosovo, Milosevic, guerra e paz: superioridade intelectual, ética, moral e filosófica americana
Milosevic, paz, pacifistas de Che Guevara, informação e vergonha
Violência, liberdade e estupidez ou ignorância da juventude?
Em 1968 alguns jovens de Paris e Roma ficaram famosos pela violência, estupidez ou ignorância de queimarem os carros dos pais gritando liberdade com as bandeiras Estaline.
Vi na TV de Itália um velho contar como passou 10 anos na prisão de Estaline porque o tanque que guiava avariou e foi acusado de sabotar os bens do povo. Outro porque roubou um pedaço de pão para comer.
Imagino que esses jovens de 68 com as bandeiras de Estaline eram tão estúpidos ou ignorantes como outros de hoje a proibirem a coca-cola numa universidade de Roma com o pretexto de não financiarem o imperialismo americano para a substituírem outra bebida idêntica que financia o terrorismo islâmico.
No G8 de Génova muitos violentos, estúpidos ou ignorantes cheios de boas intenções causaram 50 milhões de donos em destruições, mais 150 milhões de custos de segurança, (para evitarem piores danos). Conseguiram mais publicidade à estúpida violência do que aos nobres ideais. A melhor mensagem dos mais inteligentes: “um outro mundo é possível”. Com certeza, com o diálogo, inteligência e criatividade dos melhores representantes das melhores democracias e não com estúpidos ou ignorantes que não só não fazem, nem deixam fazer e impedem a reunião de quem quer fazer.
Em 2005 os jovens semi-africano-franceses queimaram milhares de carros, e escolas, destruíram bens públicos incalculáveis para dizerem que têm 5 vezes menos possibilidades de emprego dos outros jovens “mais franceses”.
Em 2006 os mais violentos jovens de França destruíram escolas e aliaram-se aos sindicatos para impor aos governantes as leis que eles consideram melhores. Violentos, estúpidos ou ignorantes não sabem que nas melhores democracias as leis se fazem pelos melhores eleitos e não pelos mais violentos que destruem mais carros e casas.
Nunca houve de minha lembrança, em Itália, tanta manifestação popular e sindical contra um governo como no de Berlusconi. Não sei se foram 8.000 ou 10.000 greves por ano, 85% por razões políticas. Parece-me que esse governo bateu o record em falimento de empresas, na criação de novos postos de trabalho e na redução do desemprego de 9% para 7%, precisamente ao contrario da maioria europeia. Berlusconi, partindo quase do nada, tornou-se o homem mais rico de Itália, com uma fortuna calculada em 11 biliões de dólares, ao 29º posto mundial, porque sempre foi um criativo com olhos no futuro, antecipando-se com as primeiras respostas às necessidades futuras.
No Governo rodeou-se de pessoas inteligentes com olhos no futuro que se orientaram para a globalização aproveitando-a no que tem de melhor em vez de a contrariar, como fez a esquerda sempre à procura do populismo da rua. A reforma do ensino seguiu precisamente o que eu sempre defendi: o inglês como segunda língua a começar da escola pré-primária de forma que ao terminarem os estudos estão prontos a trabalhar em qualquer parte do mundo ou numa Itália com relações com o mundo. Apesar da oposição dos no-global no G8, do milhão de manifestantes das ruas manipulados pelos sindicatos da oposição, das diversas guerrilhas urbanas e atentados terroristas dos anarquistas continuou com a sua política de mobilidade económica que deu os seus resultados no essencial: aumento de postos de trabalho e redução do desemprego apesar dos falimentos porque estes fazem parte dos danos colaterais da mobilidade que caracteriza a economia de um futuro global em contínua evolução sempre mais rápida e com mais necessidade de adaptação.
Berlusconi, sempre com olhos no futuro, fala já do que se espera para 2018 e como prevenir o pior: mais 2 biliões onde actualmente vivem 4 biliões na miséria e morrem 20.000 por dia de fome. Com a globalização da informação em breve saberão que estarão melhor numa prisão italiana, (com a TV a pagamento dada pelo ex-ministro da justiça Fassino), que a morrerem de fome. Se os ricos não criam melhores condições de vida onde hoje morrem de fome invadirão os ricos e dedicar-se-ão à criminalidade quando não encontram emprego.
Todos os que se podem permitir de ler isto pertencem a cerca de 1% de privilegiados. Muitos pensarão que os ricos como Berlusconi têm mais obrigação de dar aos pobres. Eu penso que a riqueza dos milionários capitalistas em geral nasce de melhor serviço e acaba por ser melhor investida do que muitos governos. Essa riqueza está quase sempre em bolsa aumentado o valor na medida em que é bem utilizada. Teoricamente cada um pode investir as suas economias nessas empresas. Na prática há muitas vigarices e quem não conhece bem os mecanismos e riscos pode perder tudo. Mas muito pior se passa naqueles regimes em que os ricos já nascem com fortunas hereditárias astronómicas e próprio onde há mais miséria geral. E pior ainda são os herdeiros de petróleo, ou que o conquistaram com a morte de opositores como Saddam e o usam para financiar o terrorismo.
Imagino um governo mundial com mais impostos para quem tem muito e o usa mal, uma justiça sem fronteiras que aplique elevadas multas e sequestro dos bens para quem causa danos globais.

68,69...g8... 2005...2006...200018...violência, Berlusconi e economia do futuro
Gato, Berlusconi, Bush, fome e futuro global Um gato que morreu na Alemanha com medo de ter sido contaminado da aviária, o discurso de Berlusconi nos USA e o discurso de Bush na Índia foram os temas mais importantes Segunda a informação em Itália.
(Pires+Portugal+ em 2006-03-02 03:18:59)

Iraque, informação, verdades e interpretações Comentários contracorrente de opiniões muito populistas e das meias verdades muito populares.
(Pires+Portugal+ em 2006-02-28 08:12:53)

Estratégias de manipulação da opinião pública e da sociedade Estratégias e técnicas para a manipulação da opinião pública e da sociedade
(pjp em 2006-02-26 05:15:02)

Pena de morte nos USA, torturas no Iraque e França, vistos de Itália Pena de morte nos USA, “torturas” de americanos no Iraque ou imagens de pontapés de soldados ingleses são vistos com lentes de aumento em Itália, deformadas e manipuladas para mostrarem a barbaridade “ocidental”. Se uma banda de isl&a
(Pires+Portugal+ em 2006-02-22 09:33:48)

Informação ou deformação “ocidental” e islâmica? Auto-censura, hipocrisia, cobardia ou diplomacia?
(Pires+Portugal+ em 2006-02-19 09:19:48)




Guantánamo: ONU condena EUA e pede encerramento da prisão Afinal são mesmo torturadores. A Onu reconheceu a tortura na prisão de Guantánamo
(glv em 2006-02-13 16:14:03)

Campanha pela Paz e Não-Violência Se acreditas nos valores da Paz e Não-Violência, chegou então a tua oportunidade para poderes lutar e fazer algo efectivo por eles.
(GAIA em 2006-02-13 03:29:16)


A civilidade de alguns árabes e a hipocrisia de outros “ocidentais” O egipsiano Magdi Allam critica os extremistas islâmicos que decretaram a morte dos autores das “caricaturas satânicas"...
(Pires+Portugal+ em 2006-02-07 08:31:49)



Liga Árabe Européia responde com desenhos 'anti-semitas' AEL [Arab-European League] launched Freedom of Speech Campaign: How consistent is Europe with freedom? http://www.arabeuropean.org
(Liberdade de Expressão em 2006-02-07 00:08:25)



• 52)

Sátira satânica, opinião, crença, violência, morte e ética para um futuro global A pena de morte contra a sátira, opiniões e crenças existiu na Idade Média da parte dos católicos com tribunais religiosos, no tempo de Hitler ...no comunismo ... no tempo de Saddam ... mas hoje é pior da parte da
(Pires+Portugal+ em 2006-02-06 04:06:14)


Sátira ao Islão: liberdade, censura, civilidade ou cobardia? Umas caricaturas consideradas ofensivas para o Islão provocaram violência, crise diplomática mundial, manifestações, decretos de morte da maior autoridade religiosa do Islão extremista, ...
(Pires+Portugal+ em 2006-02-04 08:54:30)

Extremismo Religioso contra Liberdade de Expressão Extremistas religiosos ensandecem com imagens caricaturais de maomé. Estados Unidos "compreendem a revolta" ...
(liberdade em 2006-02-03 19:13:56)

Como o capitalismo afeta a liberdade? http://www.geocities.com/projetoperiferia2/secB4.htm
(FAQ em 2006-02-03 15:46:09)

Bill Gates, new-global e no-global Bill Gates investe num futuro new-global. Os no-global mais reaccionários, estúpidos e ignorantes combatem os benefícios da globalização.
(Pires+Portugal+ em 2006-02-03 13:26:24)



Sátira ao islão: Liberdade ou censura? (Sondagem de opinião) Justo ou profanação religiosa indigna? Liberdade ou censura?
(Pires+Portugal+ em 2006-02-03 07:31:09)


Fome, Bill Gates, Berlusconi, Bush, no-global, new-global Sempre morreram de fome mas com a globalização ... disturbam mais as consciências dos ricos, ... terroristas islâmicos e criminosos unem-se aos no-globais ocidentais contra os ricos
(Pires+Portugal+ em 2006-01-28 09:41:20)

Em tempos de guerra, associações ambientalistas assinalam Dia Mundial de Mahatma Gandhi no Porto No dia 30 de Janeiro assinala-se, um pouco por todo o mundo, o Dia Mundial de Mahatma Gandhi em homenagem a esse grande mentor da Paz e Não-Violência, cujo assassinato ocorreu justamente nesse mesmo dia do ano de 1948.
(GAIA em 2006-01-28 01:40:28)



anarquismo coletivista - o bakuninismo / parte 1 O Bakuninismo: elementos de um programa anarquista ANARQUISMO COLETIVISTA - O BAKUNINISMO - Parte 01
(Coletivo Pró-Organização Anarquista em Goiás em 2006-01-27 10:30:26)

Anarquismo e Religião A grosso modo, conforme o movimento histórico anarquista dos últimos duzentos anos, anarquismo pode ser definido como uma ideologia política e social que acredita que os grupos humanos poderiam e deveriam existir sem autoridade instit
(Nicolas Walter em 2006-01-27 09:06:39)


Indústria nos cárceres dos EUA: negócio lucrativo ou nova forma de escravidão? “nenhuma sociedade na história da humanidade jamais encarcerou tantos cidadãos”
(... em 2006-01-11 10:37:36)



As prisões secretas da CIA A CIA foi exposta por dirigir uma rede de prisões secretas no exterior.
(As prisões secretas da CIA em 2005-11-19 12:15:01)


Violência, informação, justiça, polícia, heróis e criminosos vistos de um Neo-Machiavelli Em certa informação sou o único a dizer que um outro mundo é possível mas não com os falidos a destruírem o fruto dos mais honestos contribuintes.
(Pires+Portugal+ em 2005-11-15 03:04:08)


Violência global, justiça e hipocrisia local Os violentos que estão destruindo a França são quase todos filhos da globalização do trabalho
(Pires+Portugal+ em 2005-11-13 01:45:31)

Esperanto, língua global e minorias linguísticas O Esperanto falhou como tentativa de linguagem global mas o seu objectivo de criar uma forma de comunicação universal parece-me cada vez mais importante para um futuro melhor.
(Pires+Portugal em 2005-10-05 00:45:22)

o “ministro da terrorista” e os aplausos contra a estupidez italiana Penso que a transformar em heróis personalidades que causaram danos injustificados a inocentes tem um efeito sugestivo muito perigoso. Penso mesmo que a deformação da informação é muito mais perigosa do que filmes
(PIRES+PORTUGAL em 2004-03-27 06:28:53)
As maçãs a apodrecer, os mortos de fome e Neo-arte, Neo-cinema, Neo-cultura...
Da minha janela vejo um enorme terreno no centro de uma aldeia por cultivar. No centro está uma macieira cheia de maçãs que ninguém aproveita. Todos os dias vejo aquela fruta a apodrecer e aquele terreno por cultivar e penso nas milhares de crianças a morrer de fome e como ficariam contentes com uma daquelas maçãs a apodrecer.
Eu não posso mandar uma daquelas maçãs para as crianças que morrem de fome. Mas aquelas dezenas ou centenas de kg de fruta poderiam ser comidos pela gente da aldeia em vez de se importar fruta de longe que custa socialmente pela poluição do transporte, armazenagem e conservação. Se a gente desta aldeia comesse esta fruta em vez da outra importada de longe, podia pagar menos e comer melhor, (porque a fruta sem ser conservada artificialmente tem mais vitaminas).
Por outro lado, aquela fruta economizada podia alimentar os que morrem de fome. Em vez de utilizar-se o custo do transporte para trazer aquela fruta para aqui podia utilizar-se para levá-la onde morrem de fome.
Neste caso concreto imaginei os voluntários desta aldeia a colher aquela fruta, dar alguma ao proprietário do terreno que assim beneficiava mais de deixá-la apodrecer, os voluntários podia levar alguma para as próprias casas ou oferecer aos amigos, outra seria dada aos pobres e outra posta á disposição de todos com oferta livre, convidando as pessoas mais ricas a oferecer o justo preço e as mais pobres a darem só se quisessem.
Falei com um conselheiro da administração pública mas respondeu-me que cada um fazia o que queria do que era seu e não podiam interferir na propriedade privada.
Imaginei-me a falar com o pároco, sugerir-lhe de anunciar na missa um mercado antes e depois de cada missa com estas maçãs e outras doações do que não serve para serem doadas ou vendidas aos mais pobres.
Por 3 vezes lhe bati à porta mas não o encontrei. Vou meter-lhe uma carta na caixa do correio.
Estava com estes pensamentos e vi na TV um artista-filósofo a falar de ideias muito simpáticas e outras menos: a arte ao serviço da convivência global, uma cidade dos artistas que usava todos os objectos possíveis e imaginários para os transformar em arte, recebe artistas de todo o mundo que depois levam esse fogo artístico para as comunidades onde vivem. Mas no final falou do objecto pessoal, da simples chave com a forma original criada individualmente e que se transforma em arte terminando num museu, ... os museus estão a tornar-se catedrais da cultura no Ocidente e segundo ele um dia em todo o mundo ...
Pensei nos que morrem de fome, nas catedrais de chaves e outras inutilidades dos ricos a ocupar terrenos onde se poderiam cultivar alimentos para morrerem menos de fome... Pensei no político italiano mais famoso pelas suas batalhas pela “sua” cultura e que eu considero a vergonha da velha cultura italiana: com os nossos impostos ou do Afeganistão foi de helicóptero a ver os buracos das estátuas destruídas pelos talibãs ... O custo comercial de uma viagem de helicóptero é de cerca de €1000 à hora e eu penso nas milhares de crianças que poderiam viver com o custo desta viagem para nada ... ou para quê?
Quantas toneladas de alimentos que vão para o lixo em Itália se poderiam transportar para os que morrem de fome só com o custa desta viagem do chamado embaixador da cultura italiana? Não precisaremos de outros embaixadores de outras culturas?
Imagino-me a dirigir um programa de TV com uma montagem de imagens de crianças que morrem de fome, do que custaria salvá-las e do que custou aquela sua viagem perguntando-lhe depois o resultado e se o mundo não precisa de outra cultura diferente da sua...
Imagino uma escola de Neo-arte de exercício da criatividade orientada para as prioridades da sociedade actual e futura.
Imagino-me a colaborar com um bom realizador de cinema a fazer um filme que revolucione esta cultura de elites para elites, esta justiça de elites ao serviço de elites da criminalidade, corrupção e terrorismo. Imagino-me no papel de um profeta maldito que defende a pena de morte quando com a morte de um assassino se salvariam 10, 100, 1000 inocentes e se melhoraria a vida de milhões ... Defende a tortura quando com a tortura de um torturador se salvariam da tortura e sofrimento milhares ou milhões de inocentes ... Defende que nem todas as guerras são justas mas nem todas são injustas ... a mais justa é contra a criminalidade ... a menos justa é a que sacrifica mais inocentes com menos resultados ...
Imagino-me num tribunal a deitar as calças abaixo e mijar nos juizes com um jacto semelhante ao de Chaplin no filme “Um Rei a Nova Yorque” ... ou virar o traseiro e deitar um jacto como o de Chaplin ... mas não de água ... de merda ... Como forma de protesto contra a merda de justiça ...
Folheio “La Stampa”, (2006-09-09) e leio o caso de um libanês preso por abuso da profissão de dentista. Diz ser diplomado mas não pode ir a buscar o diploma por causa da guerra. No seu carro de luxo tem toda a aparelhagem essencial para exercer a profissão de dentista ambulante dos ciganos que não têm assistência social para poderem ir aos hospitais. Os clientes defendem-no por fazer bom trabalho por pouco preço. A mulher pede para lhe devolverem a aparelhagem que ainda não está paga e é o seu meio de vida. Com milhões de casos de grades criminosos que são arquivados por falta de tempo devem próprio ocupar-se deste ilegal que com as suas ilegalidades parece fazer mais bem do que mal?
Mais adiante no mesmo jornal vejo a foto do comunista presidente da Câmara de Itália Bertinotti a abraçar o realizador português Manuel de Oliveira no festival de cinema de Veneza. Ontem escutei na TV, (Blog, Rai3, 20.15), um italiano a fazer-lhe elogios com uma linguagem filosófica que não percebi nada. Penso que há umas elites de premiados e críticos de um cinema nas nuvens, longe do quotidiano e da linguagem comum. De Manuel Oliveira recordo muitos prémios internacionais e nenhum filme de êxito de popularidade. Do mais popular que não recordo o nome mas recordo das críticas de que era uma banal história de amor com postais ilustrados das margens do Douro ...outros diziam que era uma obra prima muito enfadonha de ver até ao fim. Recordo uma cena de um dos seus filmes na TV em que se sentia um monólogo ou diálogo por uns 5 minutos de pessoas longínquas numa paisagem banal. Não sei se aquela ausência de imagens seria um efeito estético para realçar o sentido das palavras mas sei que aquilo foi para mi uma impressão de um cinema ao contrário do que eu imagino: imagem e som para transmitir ideias, emoções e sentimentos. De Manuel Oliveira recordo uma história com Mário Soares e “Cahiers du Cinema” ...

2006-08-31

Indymedia e informação do futuro
Indymedia, (1), na sua versão portuguesa, é, em minha opinião, o melhor fórum de Internet pela estrutura, metodologia e tecnologia. Mas o pior pela desinformação da informação. Por muitos anos fui o mais odiado mas ao menos não cancelavam as minhas informações e opiniões. Quando passaram a cortar os meus comentários procurei criar outro com a mesma estrutura mas outra linha editorial. Tinha o mérito de permitir opiniões de quem criticava livremente. Parece-me que é o fórum mais veloz que encontrei na colocação de informações e de navegação. Por isso o preferia para colocar em primeiro lugar as minhas ideias.
O facto de muitos discordarem das minhas ideias ajudava-me a reflectir e pensar se estaria errado ou se desconheço outros pontos de vista. Discordei de algumas censuras mas o facto de não me cancelarem comentários quando discordavam era para mi um motivo de grande respeito por este tipo de informação.
Na versão italiana muitos dos meus posts foram censurados e comentários eliminados. Sobretudo aqueles em que comparei o que os americanos estão a fazer no Iraque com o que os americanos fizeram em Itália na Segunda Guerra Mundial e depois. Sobretudo os que tocam nos seus heróis preferidos. Recordo ter lido um artigo sobre Che Guevara que o apresentava como um sanguinário justiceiro contra os vencidos de Cuba e os pobres agricultores da Bolívia que não aceitaram a sua ideologia. Falava muito pior de Che Guevara de tudo o que eu escrevi. Pouco depois tinha desaparecido.
Para mi é evidente que se não fossem os USA hoje Itália podia ser muito mais semelhante à Albânia do que aos USA. De facto os USA tiveram um papel importante na libertação de Itália do nazismo, fascismo e comunismo. Todos os historiadores mais sérios reconhecem isso. Mas para Indymedia de Itália o papel dos USA é negado, reduzido ou apresentado como só nos seus aspectos negativos. Cancelando as opiniões contrárias corre-se o risco de criar fanáticos anti-americanos e anti-Israel com consequências semelhantes à informação de Hitler, Saddam ou dos piores regimes comunistas e islâmicos.
>>> Mais:
Neo-forum-ONU-VATICANO-GATES-GLOCAL-MULTINACIONAIS-USA-ISRAEL
ONU-UNESCO-forum para um futuro global
Israel-USA-Cia no ff, (ff=fórum dos falidos)
Fórum de voluntários e ideias para um mundo melhor
Bill Gates no fórum de Indymedia
Gates fan club: voluntários, social, beneficência, filantropia e solidariedade
ONU, governo mundial: fórum de ética, cultura e democracia global
G8-Indymedia-indyarabe-paz-Médio Oriente: violência, elites, USA, Neo-ONU ...
Indymedia na defesa de crimes, delinquentes, ditadores, terroristas... informação
Paz: dos pacifistas de Che Guevara à Neo-ONU, da luta à colaboração de classes
PAZ E PACIFISMOS PARCIAIS NO FÓRUM DE INDYMEDIA ...“ADVOGADO DO DIABO”
O capitalismo no fórum Indymedia
Iraque, Saddam, Bush, e pacifistas de Indymedia
Hitler, pacifistas-Guevara, terrorismo, FBI, liberdade, informação, Indymedia, ONU
Papas e a Igreja Católica no Indymedia
Iraque, torturas, Saddam, USA, opinião pública, nova informação e históriaChe Guevara, Milosevic, Al Zarqawi e a defesa dos falidos de certa informação
Fórum VIMM: voluntários de ideias para um mundo melhor
Indymedia ou indyarabe? Informação ou ódio contra USA e pró-terrorismo islâmico?
CARTA ABERTA AOS HACKERS E A TODOS OS VOLUNTÁRIOS POR UM MUNDO MELHOR
IMM=Ideias para um mundo melhor
ONU e governo globalUSA-ONUEm italiano: Virus: intelligenze di Bill Gates e stupidaggine (od ottusità?) della giustizia: Se gli autori dei primi virus …
BILL GATES, VIRUS, WORM, GIUSTIZIA, INTELIGENZIA E ESTUPIDAGINI

(1) Alguns dos meus posts em Indymedia:
Fome, miséria e contrastes da informação
Paz e processo a Bush ou aos pacifistas parciais de Saddam, Che Guevara e Osama?
Fome, miséria e contrastes da informação
Estaline, ditaduras, CMI e anarquia no seu melhor e pior
Paz e processo a Bush ou aos pacifistas parciais de Saddam, Che Guevara e Osama?
Escola, educação e trabalho no futuro
Sátira ao islão: Liberdade ou censura? (Sondagem de opinião)Maomé, sexo e religiões
Spam, vigarices, web-crimes e Neo-ONU para um Web-Governo global
Imaginemos una Neo-ONU com uma polícia global da ONU a colaborar com as polícias de todo o mundo, (poderia chamar-se: ONUpol, Neo-ONUpol ou polONU, ou Pol-ONU ou Neo-ONU-Interpol) e com um tribunal internacional da ONU que sobrepusesse um minimo de bom senso de justiça a todas as leis das velhas justiças tradicionais nacionais: os danos devem ser pagos por quem os faz na medida do possível. O spam causa danos astronómicos e quem a faz devia pagar esses danos com multas astronómicas e sequestro dos bens ou trabalho social para indemnizar as vítimas. Por exemplo a mensagem que segue deve ser uma de milhares ou milhões eviadas pela mesma pessoa e por outras que em vez de trabalharem honestamente roubam o tempo a quem trabalha. Apanhar estes indivíduos e fazer-lhes pagar os danos ou trabalharem durante anos para indeminizarem a sociedade seria um bem social enorme. Com multas e trabalho destes anti-sociais podia financiar-se uma melhor ONU, melhores tribunais e polícias internacionais. Com o que se economizava em tempo às pessoas mais produtivas podiam salvar-se milhões de crianças que morrem de fome. Bastaria que esse bilões de danos do spam e web-vigarices fossem orientados para cultivar campos, melhor agricultura, melhor ciência, melhor polítca, melhor ONU...
Até o programa "Striscia la Notizia", chegou a apnhar com as suas câmaras um desses vigaristas. Imagino Neo-juizes de uma Neo-justiça que orientam uma Neo-polícia ("neoPOL, NeoPOL, Neo-pol") para identificar os ladrões do tempo e os condenam a trabalhar para bem da sociedade.
Pires Portugal
>>>Mais:
Web-crimes: spam, vírus e vigarices... ideias para a nova justiça do futuroTEMPO E ÉTICA GLOBAL
ONUpol, web-governo mundial, justiça sem fronteiras, … criminalidade e terrorismo
onu, unesco, informação e democracia global
Jornalismo e comunicação do futuro
ONU, governo mundial: fórum de ética, cultura e democracia global
Segue um típico e-mail de uma das piores web-vigarices que só uma estúpida velha justiça tradicional pode deixar continuar a causar danos astronómico:
----- Original Message -----
From: "esetlle mamadou" <estelle13_mam@hotmail.fr>
Sent: Wednesday, August 30, 2006 7:10 PM
Subject: My appreciation to you.

> #45 Rue Grand Yorf,> DAKAR, SENEGAL.> > Assalamaulakum.> > My Dear Friend,> > Compliments of the day.I did like to send to you the best wishes of good > health and success in your pursuits particularly through my proposal as > contained in this letter. After due deliberation with my son,I decided to > forward to you this business proposal, we want you to assist us .I will give > you more information. As to this regard as soon as you reply.> > I am Mrs.Estelle Mamadou . I am contacting you with the hope that you will > be of great assistance to me, I currently have within my reach the sum of > 7.3 million U.S dollars cash which I intend to use for investment purposes.> > I therefore personally appeal to you seriously and religiously for your > urgent assistance to move this money in to your country where I believe it > will be safe since I cannot leave the country due to the restriction of > movement imposed on the members of my family by the Senegal Government.> > This money came as a result of a payback contract deal between my husband > and a Russian firm in our country.The Russian partners returned my husbands > share .Presently, the Government has intensified their probe in to my > husbands financial resources which has led to the freezing of all our > accounts, local and foreign, the revoking of all our business licences and > the arrest of my First son.> > In view of this I want to acted very fast to withdraw this money from one of > our finance houses before it will be closed down.My husband deposited the > money in a finance firm for safe keeping . No record is known about this > fund by the government because there is no documentation showing that we > have such funds.> > Further more, my elder son have been in detention in the last four years > following the death of my late husband for charges of State organized murder > and corrupt practices. he was just been released by the Supreme Court after > the president brokered a deal with my family regarding his freedom. and he > is still under interrogation about my late husband's assets and some vital > documents.> > Due to the current situation in the country and government attitude to my > family,I cannot make use of this money within, thus I seek your help in > transferring this funds out for investment than leaving the fund here and to > invest the money to profit my family Bearing in mind that you may assist > me.l have decided to part with 25% of the total sum.> > I am seriously considering to settle down abroad in a friendly atmosphere > like yours as soon as this fund get into your account so that I can start > all over again if only you wish. I shall ask my son Mohammade to come over > to your country to liaise with you. If this proposal satisfies you. please > do not let me out to the security as I am giving you this information in > total trust and confidence.> > Please kindly reply by return mail and please include your personal > telephone and fax numbers. Conclusively,we have decided part with 25% of the > total sum. of the total sum,10% will be for expenses incurred during > thecause of this transaction, while 65% is to be held on trust by you until > we can decide on a suitable business investment in your country subsequent > to our free movement by the Senegal Government.> > I will greatly appreciate if you accept my proposal in good faith.> Your URGENT response is needed.> > Regards and God Bless you.> > Mrs.Estelle Mamadou .> > _________________________________________________________________> Découvrez Windows Live Messenger : le futur de MSN Messenger ! > www.windowslivemessenger.fr>P.S.
Propriedades da mensagem: X-Message-Status: n:0X-SID-PRA: esetlle mamadou <estelle13_mam@hotmail.fr>X-SID-Result: PassX-Message-Info: LsUYwwHHNt3HFJ6ADO8BYPPRoNLfiUJ71uaccIionzs=Received: from bay0-omc2-s27.bay0.hotmail.com ([65.54.246.163]) by bay0-imc1-s40.bay0.hotmail.com with Microsoft SMTPSVC(6.0.3790.2444); Wed, 30 Aug 2006 10:10:10 -0700Received: from hotmail.com ([65.54.186.73]) by bay0-omc2-s27.bay0.hotmail.com with Microsoft SMTPSVC(6.0.3790.1830); Wed, 30 Aug 2006 10:10:07 -0700Received: from mail pickup service by hotmail.com with Microsoft SMTPSVC; Wed, 30 Aug 2006 10:10:06 -0700Message-ID: <BAY16-F23EBD995E225A6A41DF90EE43E0@phx.gbl>Received: from 196.207.228.82 by by16fd.bay16.hotmail.msn.com with HTTP; Wed, 30 Aug 2006 17:10:04 GMTX-Originating-IP: [196.207.228.82]X-Originating-Email: [estelle13_mam@hotmail.fr]X-Sender: estelle13_mam@hotmail.frReply-To: estellemama@yahoo.comFrom: "esetlle mamadou" <estelle13_mam@hotmail.fr>Bcc: Subject: My appreciation to you.Date: Wed, 30 Aug 2006 17:10:04 +0000Mime-Version: 1.0Content-Type: text/plain; charset=iso-8859-1; format=flowedX-OriginalArrivalTime: 30 Aug 2006 17:10:06.0416 (UTC) FILETIME=[23F5A500:01C6CC57]Return-Path: estelle13_mam@hotmail.fr

2006-08-24

ONU-UNESCO-forum para um futuro global
É evidente que o futuro será cada vez mais global. Para haver mais vantagens e menos desvantagens desse facto é importante um governo mundial do que é global, informação e revolução cultural global com a colaboração da criatividade dos melhores e o emprego das melhores tecnologias.
Imagino um ONU-fórum ou UNESCO-fórum: Fórum de voluntários e ideias para um mundo melhor com a estrutura do de Indymedia mas com outra linha editorial, com alguns profissionais do jornalismo, de diversas ciências e culturas a trabalhar em colaboração com voluntários. Entre os objectivos estaria a promoção da criatividade colectiva dos melhores voluntários para enfrentar os novos problemas do mundo e uma evolução da cultura para uma melhor convivência global.
Ideias para discussão:
ONU, governo mundial: fórum de ética, cultura e democracia global
TEMPO E ÉTICA GLOBAL
ÉTICA, GUERRA, TERRORISMO E CULTURA OCIDENTAL
ONU, GLOBALIZAÇÃO E GOVERNO MUNDIAL ONU, WEB-GLOBALIZAÇÃO DA INFORMAÇÃO, ÉTICA E JUSTIÇACARTA ABERTA À ONUÉTICA, GUERRA, TERRORISMO E CULTURA OCIDENTALONU, GLOBALIZAÇÃO E GOVERNO MUNDIAL ONU, WEB-GLOBALIZAÇÃO DA INFORMAÇÃO, ÉTICA E JUSTIÇALÍNGUA GLOBAL ou LINGUAGEM UNIVERSAL
Standard
Seleccionei algumas informações do “Boletim do Observatório da Sociedade da Informação - 18/08/2006” e apresento algumas sugestões:
“Polícia Judiciária vai comprar dentro em breve equipamento específico para exercer acções de vigilância nas comunicações realizadas via net... permitir a intercepção de mensagens de correio electrónico e conversações mantidas através de aplicações de instante messaging e Voice over Internet Protocol. Fonte: http://www.vector21.com/?id_categoria=5&id_item=16683
Um bom investimento que se poderia auto-finaciar e produzir enormes benefícios sociais se aplicasse multas aos vigaristas, spam, vírus e crimes. Mas isto devia ser criado pela ONU a nível global com a colaboração de todos os governos do mundo. Imagino que todos os mais honestos e mais dispostos a viver civicamente aceitariam de colaborar. Os que o não fizessem poderiam ser boicotados de diversos benefícios de forma a convencer todos das vantagens.
É evidente que este serviço devia ser feito por pessoas de elevado moralidade e com uma honestidade fora de dúvidas.
UNESCO participa da mesa-redonda “Bibliotecas: Ferramentas Dinâmicas para a Sociedade da Informação e do Conhecimento” Fonte:http://osi.unesco.org.br/arquivos/documentos/unesco_mesaredonda_biblioteca.html O fórum que eu sugeri podia ser uma boa aplicação prática.
Sociólogo aponta áreas de contribuição dos órgãos de comunicação social ... a divulgação de regras de boa convivência, solidariedade e mensagens de pacificação das mentalidades, como sendo uma forma de contribuição dos meios de comunicação social para a inclusão social dos cidadãos. "Através da midia, os angolanos podem tomar conhecimento dos seus direitos e deveres, incluindo o de participar na vida da sua comunidade, na tomada de decisões e de eleger e ser eleito para órgãos de exercício do poder político"... Fonte: http://www.angolapress-angop.ao/noticia.asp?ID=464666
Um bom exemplo para a UNESCO fazer o mesmo a nível global. Internet: EUA renovam contrato com a Icann e mantêm domínio da rede ... A notícia é um balde de água fria para os objetivos do Brasil e de outros países emergentes que, desde 2003, vêm pressionando para que o controle seja "democrático e multilateral". Fonte: http://ultimosegundo.ig.com.br/materias/mundovirtual/2491501-2492000/2491781/2491781_1.xml Nem sempre a democracia é melhor da meritocracia. Eu penso que em geral o voto democrático é a melhor forma de criar melhores governos democráticos quando as pessoas são bem informadas. Mas sei que muitas vezes o voto democrático resultou uma catástrofe para decisões políticas em que a ciência é mais importante do que crenças e emoções de momento. Por vezes em questões científicas vale mais a opinião de 1% de pessoas que conhecem o problema do que 99% da população manipulada por órgãos de informação mais interessados em satisfazer emoções do que transmitir dados científicos. Eu tenho mais confiança num governo dos USA de onde nasceu a Internet e está mais desenvolvida do que do Brasil que mal conheço. Mas isto seria um interessante tema a ser discutido num fórum por quem conhece as diversas consequências.
Sites bancários visitados por 566 mil portugueses em Julho ... o tempo total de navegação neste tipo de sites ultrapassa as 282 mil horas... Fonte: http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?section_id=18&id_news=239899
Imagino que essas visitas evitaram muitas horas em deslocações, poluição, bichas, ...
Imagino um posto da ONU com Internet em todos os serviços de correios de todo o mundo a oferecer serviços a pessoas que não sabem ler ou não têm meios de usar Internet. Imagino que poderia criar muitos empregos e beneficiar pobres e ricos pelo intercâmbio de bens e serviços. >>> ONU, GLOBALIZAÇÃO E SERVIÇOS SOCIAIS (IDEIAS E SUGESTÕES) Conselho recomenda aos `media´ adaptação das linhas editoriais ao novo clima de paz e reconciliação nacional... foi recomendado ainda o combate à prática do jornalismo coberto do anonimato e a não observância de postulados deontológicos da profissão e reconhecida a necessidade do uso da publicidade estática, incluindo em línguas nacionais, para a divulgação das realizações do Governo. Fonte: http://www.angolapress-angop.ao/noticia.asp?ID=463957
Um bom exemplo par um fórum da ONU ou UNESCODGCI coloca bens penhorados para venda na net ... permite a compra de bens penhorados através do Sistema Informático de Gestão de Vendas Coercivas. O objectivo do Ministério das Finanças é tornar o processo de cobrança de dívidas através da venda de bens penhorados mais rápido e eficaz. Fonte: http://www.vector21.com/?id_categoria=5&id_item=16674
Imagino um serviço global da ONU a servir de regulador de vendas e ofertas ao serviço dos pobres do mundo. Imagino um banco da ONU que permitia pagamentos em segurança, regulava e garantia contratos internacionais, oferecia mais e melhores serviços dos bancos com os lucros orientados para o funcionamento da ONU e obras sociais ao serviço dos mais necessitados. Consumidor da classe C descobre compra online "Boa parte dos novos consumidores tem menos renda e menos escolaridade". Fonte: http://ultimosegundo.ig.com.br/materias/mundovirtual/2489501-2490000/2489563/2489563_1.xml Imagino este serviço levado ao terceiro mundo através dos serviços de Internet da ONU em todos os postos de correios. UNESCO repudia agressões a profissionais de imprensa e declara seu firme compromisso em defesa da liberdade e integridade física daqueles cuja actividade contribui para assegurar o direito do público ao acesso à informação. Fonte: http://osi.unesco.org.br/arquivos/documentos/unesco_repudia_sequestro_reporter.html
Um bom exemplo para todo o mundo. Malanje: Governador provincial destaca importância da gestão de arquivos contribui de forma organizada e responsável na promoção e valorização da cultura angolana. Fonte: http://www.angolapress-angop.ao/noticia.asp?ID=463740
Eu penso que os arquivos da cultura do passado são para a colectividade algo idêntico à cultura individual mesma esquecida mas que continua activa do inconsciente. Esses arquivos são fontes de enriquecimento sobretudo das elites culturais que depois transmitem muito através dos mass media.
Mas um interesse exagerado pelo passado não pode roubar o tempo e energias de pensar no presente e futuro? Paraná tem curso a distância de administração para servidores públicos Fonte:http://www1.folha.uol.com.br/folha/educacao/ult305u18866.shtml
E se UNESCO criasse uma universidade global para cidadãos globais e cultura global para os seus futuros empregados ou de actividades internacionais?Ministério da Comunicação Social aposta na formação dos seus profissionais serão melhor desenvolvidas por quadros intelectualmente formados, competentes, com formação profissional contínua, capazes de fazer uso e rentabilizar as novas tecnologias, com mentes abertas à realidade global, sem esquecer a cultura e discernimento suficiente para o exercício de um jornalismo isento, plural, objectivo, responsável e patriótico. Fonte: http://www.angolapress-angop.ao/noticia.asp?ID=463649
E se UNESCO criasse uma universidade on line para formação de profissionais e amadores da Web-comunicação? Poderia chamar-se ELP=Elecronic Learning Press. Rede Livre propõe compartilhamento da cultura digital, inclusão e geração de renda Uma associação voluntária de educadores, desenvolvedores de tecnologia, pensadores, tecno-artistas, organizadores e gestores de iniciativas sociais e ciberculturais, os integrantes da Rede Livre defendem a colaboração e o compartilhamento do conhecimento como valores essenciais. Seu principal projeto é a capacitação de jovens em tecnologias da informação e comunicação, nas áreas de exclusão social, com a finalidade de disseminar o empreendedorismo e a cultura do software livre. Fonte: http://www.ethos.org.br/DesktopDefault.aspx?TabID=3345&Lang=pt-B&Alias=Ethos&itemNotID=7930
Acredito muito no voluntariado e penso que deve ser estimulado. Mas acredito ainda mais no trabalho dos profissionais. A minha experiência com software livre foi uma catástrofe:

PORQUE SIMPATIZO COM MICROSOFT E ODEIO CERTAS “ALTERNATIVAS”
BILL GATES, MICROSOFT, ALTERNATIVAS, DIREITOS DE AUTOR, COPYRIGHTS, JUSTIÇACARTA ABERTA AOS HACKERS E A TODOS OS VOLUNTÁRIOS POR UM MUNDO MELHOR>>> Mais:
IMM=Ideias para um mundo melhor ONU e governo global
USA-ONU G8-Indymedia-indyarabe-paz-Médio Oriente: violência dos falidos, inteligência das elites, USA e Neo-ONU para a paz mundial
Paz: dos pacifistas de Che Guevara à Neo-ONU, da luta à colaboração de classes
O capitalismo no fórum Indymedia
Iraque, Saddam, Bush, e pacifistas de Indymedia
G8-Indymedia-indyarabe-paz-Médio Oriente: violência dos falidos, inteligência das elites, USA e Neo-ONU para a paz mundial
Paz: dos pacifistas de Che Guevara à Neo-ONU, da luta à colaboração de classes
Iraque, Saddam, Bush, e pacifistas de Indymedia
Indymedia na defesa de crimes, delinquentes, ditadores, terroristas ... e curiosidades de certa informaçãoPPPP=filosofia do passado presente e futuro, ensaio de nova filosofia política

2006-08-06

Gates2008 se fosse Bill Gates...
Gates2008=Bill Gates só beneficência a partir de 2008.
Penso que esta decisão de deixar os seus negócios em 2008 para se dedicar só à beneficência será uma das decisões que mais influirá neste século. E essa influência dependerá da sua divulgação para servir de estímulo a outros, incluso de preferirem os produtos das suas empresas porque parte vai para beneficência. Passo a chamar “gates2008” a várias iniciativas inspiradas nesta decisão de Bill Gates:
Se eu fosse Bill Gates, se tivesse a sua inteligência e eficiência, faria os possíveis por tornar-me Secretário Geral da ONU ou inventaria uma Neo-ONU. Não para combater a ONU mas para colaborar com outros métodos para um melhor governo mundial.
Criaria um fórum mundial de ideias para um mundo melhor e procuraria dar trabalho a todos, primeiro como voluntários, depois como empregados dentro do possível. Aos voluntários com mais necessidades económicas procuraria dar o essencial para eles e famílias. Os melhores subiriam nas estruturas da Neo-ONU, seriam premiados na medida em que mais contribuíssem para um mundo melhor, nem sempre economicamente, muitas vezes segundo as aspirações e possibilidades da organização.
Se tivesse a inteligência, eficiência e filantropia de Bill Gates talvez fosse o melhor Secretário da ONU de todos os tempos. Estimularia os melhores de todo o mundo a contribuírem com o que podiam para um mundo melhor. Transformaria a criatividade individual em criatividade colectiva com normas universais standard de protecção dos direitos de autor e estímulo da criatividade individual. Aos melhores criativos daria os melhores meios para inventarem um futuro melhor.
Criaria uma rede de correios global com o máximo de garantias de forma com as migalhas dos ricos pudessem salvar muitos que morrem de fome e o trabalho dos pobres beneficiasse os ricos. Em cada estação de correios de todo o mundo colocaria um representante da ONU para ajudar os que não têm Internet, ou talvez mesmo 3 para funcionarem 24 horas sobre 24 sempre que as condições o permitissem. Mesmo os correios poderiam em parte funcionar 24 horas sobre 24: evitavam as bichas, davam trabalho a mais desempregados e forneceriam muitos serviços com Internet que com os meios tradicionais obrigam a grande viagens ou não se fazem por não serem rentáveis.
Mais:
Bill Gates fan club: voluntários de acção social, beneficência, filantropia e solidariedade
ONU, Bill Gates, elites de profissionais e voluntários inventores do futuro
Inventores do futuro, precisam-se na política, economia e culturaBill Gates, capitalismo, comunismo, anarquia e luta no-global globalizada
Bill Gates2008, filantropia, beneficência, mitos, heróis, santos e terroristas
Revolucionários da passado, presente e futuro
ONU, UNESCO, web-serviços, correios, banco global, e invenção do futuro
ONUpol, web-governo mundial, justiça sem fronteiras, liberdade e repressão da criminalidade e terrorismo
Bill Gates2008: só beneficência, educação e instruçãoBill Gates e nova anarquia americanaPaz: dos pacifistas de Che Guevara à Neo-ONU, da luta à colaboração de classes
Bill Gates, Berlusconi, milionários, beneficência, saúde, educação e instruçãoG8: dos violentos reazionários no-global à Neo-ONUBill Gates e nova anarquia americanaBill Gates e capitalismo no seu melhor, anarquismo no seu pior
Bill Gates: herói no Vietnam, perseguido e imputado na Europa
Bill Gates, presidente da China, Bush, economia e política
Bill Gates e capitalismo no seu melhor, anarquismo no seu pior
Bill Gates, milionário, benfeitor e anarquia do futuro
Copyright, copyriot, copyleft e futuro global
onu, unesco, informação e democracia global
Direitos de autor, propriedade intelectual, ética e justiça
Bill Gates e capitalismo no seu melhor, anarquismo no seu pior
Em italiano, per saperne di più:
Virus: intelligenze di Bill Gates e stupidaggine (od ottusità?) della giustizia: Se gli autori dei primi virus … BILL GATES, VIRUS, WORM, GIUSTIZIA, INTELIGENZIA E ESTUPIDAGINI

2006-08-04

Jornalismo e comunicação do futuro: Psicologia, sociolgia, filosofia e ética do web-jornalismo e novas tecnologias.

Proposta de cursos personalizados e investgação colectiva para jornalismo e comunicação do futuro.
A notícia de que “UNESCO pretende criar centros de formação à distância para docentes”, (1), deu-me a ideia de propôr cursos personalizados e investgação colectiva para jornalismo e comunicação do futuro. Por outras palavras, um curso de jornalismo por e-mail, com as minhas propostas pessoais, mas seguindo as necessidades prioritárias dos interessados. Se alguêm estiver interessado pode mandar-me um e-mail para piresportugal@@@hotmail.com (@@@=@ para evitar spam automático).
Pires Portugal, (Curriculum de um artista que sonha com um mundo melhor)
(1) Notícia de “Boletim do Observatório da Sociedade da Informação - 27/07/2006“:
UNESCO pretende criar centros de formação à distância para docentes Angola, Angola Press, 25/07/2006 A Organização das Nações Unidas para Ciência, Educação e Cultura pretende criar em Angola uma rede de centros de fontes pedagógicas, para a formação de professores, através de institutos especializados dedicados à instrução à distância... utilização das novas Tecnologias de Informação e Comunicação (TICS) no domínio do ensino à distância, afirmou ... para ajudar Angola no domínio da educação. Fonte: http://www.angolapress-angop.ao/noticia.asp?ID=458503.
Nixon, Kissinger, Bush, jornalismo e história
Papa na boca dos “lobos” da Turquia e diplomacia ou hipocrisia?
Curriculum-Pires Portugal, Neo-Machiavelli, “Advogado do Diabo”, Serip, João de Deus...
Curriculum de um artista que sonha com um mundo melhor:
O meu nome é João de Deus Madeira Pires, mas uso o nome literário de Pires Portugal para a maioria dos escritos em Português, Neo-Machiavelli para um blog em Italiano, “Advogado do Diabo” para opiniões pouco populares no momento.
Com o nome de João de Deus, era conhecido no seminário de Gouveia e em Lisboa nos 12 anos que estudei para ser missionário na Congregação dos Missionários de S. João Baptista, (4 anos no ISET, Instituto Superior de Estudos Eclesiásticos). Nessa altura comecei a dar espectáculos com o nome artístico de Serip, anagrama de Pires: (SERIP MAGIC SHOW).
Um ano antes de ser ordenado missionário mudei vocação e continuei a estudar jornalismo e psicologia: 2 anos no ISPA, (Instituto Superior de Psicologia Aplicada), 3 na ESMCS, (Escola Superior de Meios de Comunicação Social) e terminei a licenciatura em Ciências Humanas e Sociais na Universidade Nova de Lisboa.
Depois de uns 30 anos com a profissão de artista, considero-me numa fase de transição de artista para missionário laico por um mundo melhor. Espero que a Igreja Católica não lamente o que gastou com a minha formação mesmo se não me tornei o missionário para o qual me deram formação. Com o pseudónimo de Pires Portugal escrevo as minhas ideias para um mundo melhor, sonho publicar livros sobre psicologia sociologia e filosofia da justiça, da política e do jornalismo do futuro, criar programas de TV, colaborar noutros, idealizar filmes...
Muitas das minhas ideias encontram-se publicadas em diversos sitos, fóruns e blogs mas quem quizer a evolução mais recentes ou tratamento jornalístico de determinado assunto pode pedir-me por e-mail: piresportugal@@@hotmail.com (@@@=@ para evitar spam automático).
>>>(>>>=para saber mais): BLOG , Ideias e sugestões para um governo global da ONU ou USA-ONU
Fórum especialmente dedicado aos antigos alunos do seminário de Gouveia e a todos os que se interessam por ideais sociais e religiosos , Ideais sociais e religiosos
Jovens, juventude ... vossas ideias ... e recordação de quando era jovem http://jov-jovens-juventude.weblog.com.pt e www.jov-jovens-juventude.weblog.com.pt
Jornal Internet de Ideias para um Mundo Melhor: jiimm

2006-06-26

Milionários e inventores do futuro, Neo-ONU, neo-justiça, cidade flutuante e laboratório de criatividade
A maioria dos milionários deve a sua fortuna à criatividade. A maioria dos milionários dedica parte do seu dinheiro à filantropia e beneficência. Alguns dedicam também o seu tempo. O mais famoso é Bill Gates que a partir de 2008 deixará os negócios para se dedicar só à beneficência.
A criatividade é uma das faculdades humanas mais importantes sobretudo na sociedade em transformação. A riqueza de Bill Gates deve-se sobretudo à criação de serviços e estímulo da criatividade orientada para a investigação do que é importante na sociedade em transformação. Os criadores de www.google.com e www.ebay.com tornaram-se milionários com a ideia justa no momento justo. Também estes fundadores são famosos pela filantropia e beneficência. Se a minha voz pudesse chegar aos ouvidos de todos os que têm ideais filantrópicos gostaria de sugerir um laboratório de estímulo da criatividade orientada para um mundo melhor para todos.
Muitas invenções surgiram durante o sonho e foram anotadas a meio da noite. Quando estudava muitas vezes escrevi o que me parecia o melhor dos meus trabalhos a meio da noite. De uma conferência sobre criatividade recordo duas ideias fundamentais: anotar sempre as ideias e premiar-se das melhores. Isto inspira-me a estimular a criatividade colectiva através de Internet. Cada vez mais as criações dependem não só da criatividade individual mas da coordenação da criatividade colectiva. Por isso eu torno publico algumas das minhas ideias na esperança de que outros contribuam a desenvolver as melhores e os milionários financiem a execução das melhores. Os milionários que enriqueceram por saberem patrocinar as ideias justas no momento justo talvez patrocinem as que lhes parecerem melhores.
O facto de tornar uma ideia publica poderia ser prova de autor e proporcionar ao menos um reconhecimento público para as ideias de mérito social.
Aqui deixo algumas ideias esperando que sejam o início de um laboratório de criatividade para um futuro melhor.
Neo-ONU e neo-justiça sem fronteiras
Enquanto os americanos gastam quase um milhão de dólares para uma cela de um criminoso e não sei quantos milhares para o manterem em segurança, morrem milhões de inocentes que se poderiam salvar com aquele dinheiro. A opinião pública italiana parece que entrou em histeria por um assassino condenado à morte nos USA ou pela “tortura” de uma americana que humilhou, (sem sangue nem ossos partidos nem sofrimentos físicos), um prisioneiro iraquiano mas permanece indiferente aos milhares de mortos e torturados das sua mafias e criminalidade. Esta civilidade parece-me hipócrita e injusta. Um preso custa em Itália aos mais honestos contribuintes €200 por dia, o suficiente para que 200 inocentes não morressem de fome cada dia. Se fazemos as contas aos 57.000 prisioneiros poderíamos salvar 1.1400.000 só com o que Itália gasta com os seus prisioneiros. A maioria destes presos ao sair das prisões causa mais danos sociais até voltar a entrar. Alguns são presos centenas de vezes e cada vez que saem aumentam o nível de criminalidade. Uma velha, estúpida e fantoche justiça tradicional condena inocentes a dezenas de anos de prisões e deixa os grandes criminosos em liberdade. Só depois de um inocente passar 5 anos na prisão se dão conta que se enganaram só porque tinha um carro da mesma marca e da mesma cor do mafioso que procuravam. Com o dinheiro dos mais honestos contribuintes dão-lhe 4 milhões de euros pelos danos causados e ele considera pouco. Muitos outros são presos injustamente e não recebem nada. Por outro lado parece que toda a gente, (menos a polícia e justiça), sabe quem comanda nos bairros proibidos de Nápoles, Bari e Palermo.
A revolução desta justiça é o primeiro passo mais urgente para um mundo melhor. Os comportamentos educam-se com a persuasão, o prémio e o castigo. Uma justiça que tirasse todos os bens aos criminosos e os desse em prémio aos que contribuem para um mundo melhor, aos que colaboram para uma melhor justiça faria a maior revolução moral, social e política de todos os tempos. Uma justiça que obrigasse os parasitas criminosos a trabalharem para indemnizarem as vítimas em vez de os meterem nessas celas com custos de milhões por cada criminoso faria certamente uma melhor justiça e contribuiria para um mundo melhor. Mas a estupidez do velho sistema policial e judicial obriga-me a perder meio dia se quero denunciar um criminoso, e depois escrevem-me uma carta com vários artigos para me dizerem que o sistema policial e judicial é tão estúpido que em vez de aproveitar a colaboração dos bons os castiga com exigências de perdas de tempo e exposição à vingança dos criminosos. Aconteceu-me em Portugal: quis denunciar crimes que não me tocavam pessoalmente mas tinha visto o sofrimento de colegas por crimes idênticos. Dirigi-me a uma estação de polícia mas mandaram para outra. Depois de dizer a minha intenção de denunciar um crime que conhecia pareceu-me encontrar pouca simpatia: tive de esperar muito, custou para poder expor o crime que conhecia e depois quase me trataram por estúpido por querer fazer bem para a sociedade e livrá-la de certos crimes que me pareciam repugnantes como me parece repugnante a indiferença da polícia e justiça.
Aconteceu-me em Itália que mandando um e-mail a denunciar um crime me responderam que me devia apresentar pessoalmente em ... com a denúncia em determinado tipo de papel e com determinados termos que só os advogados conhecem ... Não sentem vergonha de tanta estupidez?
Um “grande advogado” rouba-me o fruto de anos de trabalho com vigarices e ameaças mafiosas, condenado em Itália à prisão pode viver em Portugal tranquilamente com o meu dinheiro e como é inteligente e a justiça ... se quiser procurar justiça em Portugal gasto mais para nada. Revolucionar esta justiça, contribuir para que os futuros profissionais da justiça não se se sintam fantoches de fantochadas ...
A velha justiça tradicional deve sentir vergonha dos seus métodos antiquados da Idade Média, das suas leis ultrapassadas utilizadas pelos grandes advogados ao serviço da criminalidade e esquecidas quando deviam defender os pobres inocentes que não se podem permitir grandes advogados. Para isso é importante que os melhores juizes ganhem e tenham regalias muito superiores aos grandes advogados. Devem ter mais poder mas mais responsabilidade. Na medida em que os melhores juizes puderem ser premiados serão atraídos para a profissão de juizes os mais inteligentes, honestos e criativos. Precisamente o contrário do que acontece com a velha justiça tradicional mais dependente dos grandes advogados ao serviço dos maiores criminosos, precisamente os que melhor podem pagar as fortunas que os melhores advogados pedem. Com juizes inteligentes e criativos e com outros métodos pode resolver-se melhor em 3 minutos certas questões do que com a velha justiça tradicional em 30 anos.
As velhas prisões tradicionais devem ser substituídas por centros de trabalho e reeducação. Imagino uma cidade flutuante que seja em parte centro de férias, em parte universidade de estudos e investigações, em parte laboratório de criatividade e em parte prisão. Para quem faz férias pode ser quase como um cruzeiro, para professores e alunos quase como uma universidade, para criativos e inventores um meio com condições de desenvolverem as suas capacidades com a colaboração de outros. A maioria dos trabalhos feito por prisioneiros. Os piores teriam as piores condições com prémios na medida em que mostrarem progressos. Os piores e mais perigosos criminosos deviam passar algum tempo nas piores condições, passar a condições melhores se colaborassem ou à morte se se recusassem a colaborar. Imagino que a morte de cada criminoso poderia salvar dezenas centenas ou milhares de inocentes. A morte de um criminoso seria um caso raro, talvez com necessidade de um referendum ou ao menos de uma comissão de vários juizes, psicólogos e políticos ou seus representantes. A pena de morte só devia ser aplicada depois de ao menos uma condenação condicional, quer dizer, condenado à morte se voltasse a cometer algum crime ou se mentisse e não colaborasse com a justiça. Os que não são perigosos poderiam ter trabalho quase como qualquer empregado com certa vida social e tempo livre. A universidade e a investigação poderia ser sobretudo de psicologia do comportamento. Professores e alunos podiam exercitar os seus conhecimentos teóricos com a prática no acompanhamento e reeducação dos criminosos.
Esta cidade flutuante, com seu aeroporto e componentes destacáveis como barcos, podia deslocar-se lentamente em meio ano entre Lisboa e Cavo Verde ou Açores, muitas vezes perto da costa para ser fornecido com as partes que se destacam e vão aos portos abastecer-se. Com esta deslocação podia acompanhar as estações de forma a aproveitar sempre da temperatura mais agradável e útil para economia de energia. O deslocamento seria feito com o vento e as casas a servir de velas. Casas triangulares que poderiam girar a 360º ou quase aproveitariam os ventos para a deslocação e o sol para aquecimento e produção de energia. Cada casa poderia ter uma parte circular central fixa com escadas e elevadores e a restante parte em torno triangular giratória de forma a que cada casa se gire e possa servir de vela. As ondas também seriam aproveitadas para a produção de energia. Tudo seria ecológico ao máximo: animais, (porcos e galinhas), para comerem os restos de alimentos e “lavaduras” dos pratos e talheres, algum terreno para serem cultivados alguns alimentos e servir de decomposição a restos orgânicos, tratamento do lixo para aquecimento, separação dos elementos recicláveis, etc. A água das chuvas podia ser aproveitada, talvez mesmo se pudesse destilar a água do mar para produzir sal e água potável.
Pires Portugal (e-mail: piresportugal@@@hotmail.com (@@@=@=no-spam) sito: http://xoomer.virgilio.it/imm blogs: Diário , ONU e governo global , USA-ONU )
>>>Mais:
ONU, Bill Gates, elites de profissionais e voluntários inventores do futuro
Bill Gates, Berlusconi, milionários, beneficência, saúde, educação e instrução .
Bill Gates anunciou que em 2008 deixará os negócios para dar prioridade à beneficência, educação e instrução. http://pt.indymedia.org/ler.php?numero=80519&cidade=1
Bill Gates2008: só beneficência, educação e instrução
Bill Gates e nova anarquia americana