2011-02-21

Berlusconi, Ruby, “A insinuação vende melhor do que a afirmação”

João Caupers, professor da Un. NOVA de Lisboa sobre Carlos Castro: "A insinuação vende melhor do que a afirmação ... Há uma semana que os noticiários das 8 abrem com dez ou quinze minutos da "tragédia". Não as imagens horríveis das cheias no Brasil – que ficaram sempre para depois – mas as imagens ridículas dos correspondentes em Nova Iorque, repetindo à exaustão o detalhe dos testículos cortados e a agressão com um televisor (?) – que deve ser um crime especialmente hediondo, aos olhos de quem trabalha para uma cadeia de televisão... "

Este texto recorda-me o que se passa em Itália, não por uma semana mas por diversos meses, a proposito de Berlusconi e Ruby. Quase não há un programa de opinião sem ter o centro ou falar de Berlusconi e Ruby, quase não há noite sem um programa no melhor horário con melhores opinionistas, políticos e jornalistas.  Quando começou o escândalo vi uma manhã Rai3 das 6 da manhã ao meio dia e tive a imressão que o governo caía no dia seguinte. Con www.google.it encntrei mais de dois milhões de resultados para "Berlusconi, Ruby" e nos dias sucessivos chegou a mais de 10 milhões.

Segundo um ex-magistrado, em Itália entram em prescrição 95% dos processos, cerca de 500 por dia. Segundo uma reportagem de Rai3, a Nápoles andavam em prescrição 75% dos processos porque Berlusconi não dava dinheiro para fotocópias. Mas só para pedir uma perscrição numa casa de Berlusconi todos os políticos do Parlamento receberam mais de 500 paginas de intercetações par lerem durante uma semana e votarem a autorização que foi negada. Não percebo a que servia uma perscrição anunciada e não percebo porque não tinham dinheiro para fotocópias dos processos a mafi0sos que faziam ouro com o lixo de Nápoles.

Contra Berlusconi fizeram 29 processos depois de entrar em politica, 4 ainda em corso. Segundo Berlusconi é o mais perseguitado da Historia, cerca de 1.000 magistrados, 10% dos magistrados italianos, com custos de 300 milhões para Berlusconi e possivelmente outros tantos para contribuentes.

De todos os processos este parece-me o mais banal e com mais repercursão informativa.              

Mais em italiano: Berlusconi, B4G=BERLUSCONI-QUARTO-GOVERNO,  politico, lavoratore, intelligente, creativo, efficiente, pragmatico, meritocrazia.

Sem comentários: