2012-06-24

Diário de um missionário, artista, profeta, revolucionário ou falido?

Das 7 às 10 escrevi e coloquei online: “Fantasias para um filme, um eBook, peBooks, uma revolução, NEO-surrealismo-futuro ou lixo? ”.
Das 10 às 12 fechei o PC mas a minha cabeça continuou a trabalhar sobre o uso do meu tempo nos próximos momentos e no futuro:
DDD=Diário do diário, um domingo nos arredores de Berlim numa pequena casa com um grande jardim que se fosse meu transformava em meio de subsistência e salvar uma criança de morrer de fome, … Podia ter coelhos, galinhas e uma cabra para comerem a relva, ter ovos e leite fresco, … Vendia-os para a carne pois com uma arma a pressão de ar podia ter carne fresca para todo o ano com os pássaros que matava, … Imagino as leis de proteção de animais que infringia mas a minha consciência estaria tranquila porque ao matar animais salvava crianças de morrer de fome, … Imagino certos defensores de animais a criticarem-me ou pensar mal de mi, … Mas quantos não comem carne de animais torturados em jaulas com hormonas para crescerem depressa? Quantas crianças a morrer de fome porque muitos têm mais sensibilidade com animais do que com pessoas? Quantas leis são mais criminosas de certas ilegalidades? Quantas crianças a morrer de fome por culpa de certa legalidade e outras que se salvam de actividades ilegais mesmo de mafiosos?   
NJF=NEO-justiça-futura, um primeiro eBook, vários peBooks: “O GRANDE ADVOGADO-LADRÃO-MAFIOSO, (GGGA), e a impotência, vergonha ou vitória da justiça”, … Cartas confidenciais para APAV, MÁRIO SOARES, RESPONSÁVEIS DA JUSTIÇA EM PORTUGAL...
NUN=NEO-United Nations, NEO-ONU, necessidade de um governo global para salvar 6 milhões de crianças, (S6M) e tornar o mundo mais convivencial e o futuro melhor. 
NSF=NEO-surrealismo-futuro, …
Certos publicitários dizem que 97% dos falidos não projetam o futuro e os 3% de milionários eficientes seguem os seus conselhos de escrever detalhadamente os objetivos, meios e tempos de realização com muita perseverança.
Tornando públicos os meus projetos e sonhos estarei a dar um contributo para que se realizem com a colaboração da criatividade e inteligência coletiva? Ou a produzir spam de lixo pseudo-informativo?
Recordo Júlio Dinis, o meu escritor preferido, que quando foi acusado de dar pormenores sem interesse respondeu que nos pormenores de aparência insignificante se revelavam as personagens com as quais o leitor ganhava intimidade para se interessar às suas vidas.
Se nenhum dos meus projetos se realizar talvez este diário fique perdido online, teoricamente disponível para biliões de pessoas mas que terão outros interesses condicionados da publicidade, cultura, informação ou instinto de sobrevivência.

Sem comentários: