2013-09-14

O suicídio de DOL=Deficiente-On-Line e a reencarnação do GOL=Génio-On-Line (FFF=Fantasias para Filme de Ficção)


Um profeta vestido de branco, filmado de baixo de forma a ver-se meio corpo com um lindo céu azul de fundo diz: “Quem morrer explodindo entre cães infiéis irá para um paraíso com 70 virgens lindíssimas ...”
Aplausos e gritos de entusiasmo de uma multidão enorme num deserto... Só homens com espadas no ar...
Outro profeta idêntico, mas com um céu mais escuro e com nuvens de fundo diz: “Veem aquela montanha, (imagens de uma montanha com floresta verdejante)? Alimentava 10 famílias com cerca de 100 pessoas. Agora alimenta uma pessoa que recebe dos contribuintes um salário para vigiar a manutenção e evitar a destruição por eventual fogo. Durante 30 anos deixará de alimentar 100 pessoas para produzir pasta de papel que só servirá para desinformação e convencer a comprar o pior ao mais caro preço...”
Uma chuva de tomates e ovos transformam aquela túnica branca na primeira obra de arte do NEO-Surrealismo...
Imagens de muita gente a sair de um grande super-mercado. Um pequeno grupo tinha parado para escutá-lo mas depois das primeiras palavras agrediram-o com produtos apenas comprados e ofensas verbais: “Vai trabalhar e ganhar para comprares... Vai roubar tempo a outros...”
Desiludido da sua missão de profeta de rua refugiou-se numa biblioteca pública onde podia usar Internet gratuitamente e mandar as suas mensagens...
Assim nasceu o chamado DOL...
O DOL passou um dia em plena liberdade de fazer o que queria, OnLine ou num grande jardim. Mas foi o dia mais negro da sua vida: o seu pensamento subia às árvores procurando a mais fácil para pendurar um corda, fazer um nó e suicidar-se. Depois recordou o que leu no último livro de Rui Cardoso Martins: “É do conhecimento geral que o exercício físico: Diminui os estados depressivos;– Aumenta a resistência física e psicológica;– Aumenta a auto-estima;... (1).
Imaginou os danos que o seu suicídio causaria nas pessoas mais amigas e começou a trabalhar no jardim, suou, tomou um banho, fez amor, dormiu bem e acordou com fantasias de reencarnar nos melhores, (e alguns dos piores?), autores online para os converter a escreverem o ebook do ano, livro do futuro e filme do século, com as melhores ideias para a felicidade global, melhor uso das novas tecnologias só para o melhor e evitar o pior, ética, deontologia e moralidade sem fronteiras, eficiência, produtividade e economia de tempo para salvar 6 milhões de crianças de morrerem de fome...
Imaginou o título “E13=Ebook 2013, o nosso ebook do ano, by ... amigos e fãs” com as melhores ideias dos melhores autores, autorizadas ou “roubadas” aos que não aderissem. As ideias são o bem mais precioso de muitos autores, depois do tempo. Nenhuma lei proíbe de as roubar. Mas esse “roubo” pode ser ético, social e útil para todos, sem desvantagens para ninguém, ou talvez só para os concorrentes: se cito a fonte e escrevo melhor, para o meu público, para determinada circunstância, eliminando o que não concordo, perdeu atualidade ou não interessa para os meus leitores. Se roubo ideias muito originais de um autor e não cito a fonte pode ser penalizado pelos meus leitores mais honestos e que não gostam de ladrões menos honestos. Vários políticos tiveram as suas carreiras arruinadas porque fizeram teses com ideias roubadas sem citarem a fonte. Foram penalizados pela justiça, universidades ou opinião pública. Com as novas tecnologias é fácil descobrir quem escreveu primeiro certas ideias e muitas vezes penalizam quem copia ou favorecem quem é copiado. Alguns mais inteligentes usam essas tecnologias para o bem pessoal e geral, outros mais espertalhões estão sempre à espera das últimas novidades das novas tecnologias para as usarem em proveito próprio com danos sociais enormes.
O “meu” suicídio, (de DOL=Deficiente-On-Line), pode ser a primeira cena do “meu” “filme do século”: suicídio numa ponte de autoestrada causando um choque a muitas pessoas e acidentes em série com muitos mortos. O DOL=Deficiente-On-Line tinha aprendido com certos terroristas que acreditam num paraíso de 70 virgens explodindo entre “cães infiéis”. Influenciado de más leituras online acreditava que se morresse fazendo muito mal aos maus iria para um paraíso com muitas virgens, todas à sua disposição. Os maus não eram os “cães infiéis” de certas crenças mas os condutores de carros que poluíam a atmosfera e consumiam energias que poderiam salvar mortos de fome.
Num outro mundo o DOL=Deficiente-On-Line encontra-se com o seu amigo da terra que lhe ensinara a religião do P70=paraíso, ao qual chamaremos F70=fanático das 70 virgens. Em vez de um paraíso com virgens, encontram-se num inferno com o pior da Terra: trabalham 18 horas por dia como Berlusconi, (mas sem Ruby uma vez por mês). Em vez das festas de Berlusconi podem ter um divertimento económico quando se comportam bem e trabalham de forma eficiente. Por cada 18 horas têm direito a duas horas de divertimento numa biblioteca-cinemateca onde podem escolher livros ou filmes culturais ou pornográficos. O mais visto chama-se H70=Heróis das 70 virgens. São apresentados os heróis que mais contribuíram para um mundo melhor na Terra e como prémio podem escolher uma, várias ou todas as 70 virgens para seu divertimento. As 70 virgens apresentam-se, dizem o que gostariam de fazer, como fariam amor e fazem strip-tease...
DOL e F70 encontram-se depois da visão e resolvem apresentar um pedido de reencarnação para voltarem à Terra, tentarem salvar muitos para compensarem os mortos que tinham causado.
Voltam à Terra numa forma de espíritos invisíveis que podem entrar na mente dos génios mais influentes do momento e convertê-los a usarem os seus talentos para o bem e não para o mal. Começam por converter os que acreditam num paraíso das 70 virgens para os que explodem entre “cães infiéis” ou provocam acidentes …
Atores desconhecidos para o filme do século – PRECISAM-SE” 
O anúncio atraiu milhares de pretendentes, recrutados online, de preferência com um grande “rang”, popularidade online e com grandes dificuldades económicas atuais ou do passado. Preferência por histórias pessoais interessantes. Disponibilidade futura para contrato por 40 anos.
Os 9DO=9 Diretores Online tinham contratado a melhor agência de publicidade do mundo e a melhor companhia de cinema para produzir pequenos filmes com contratos fabulosos mas extremamente rigorosos, feitos pela melhor agência de advogados do mundo. Todos se comprometiam a não revelar segredos que prejudicassem a imagem dos 9DO e seus interesses. Como em muitos países era difícil aplicar a legalidade dos melhores advogados contrataram o boss da melhor organização criminal para proteger os seus interesses.
Os dois atores desconhecidos, homo-sexuais, lésbicas, casal normal ou fictício, passam a viver numa casa de luxo, conduzir um carro de luxo, viver no maior luxo possível, tudo como sendo próprio, mas na realidade tudo emprestado enquanto servirem para os seus fins. Imagens do seu passado de pobres em dificuldade contrastam com o luxo atual devido a uma nova empresa: WPO=WEB-POWER-OMNIA, o poder de Internet para todos se tornarem milionários, (2).
Um profeta descobriu a grande vigarice dos milionários ladrões do tempo para venderem a caro preço o que se encontrava gratuitamente online mas foi ameaçado legalmente. Como não tiha nada e vivia nas estações dos comboios respondeu que não se importava de ir para uma prisão onde viveria melhor e continuaria a sua missão contra os ladrões do tempo.
As ameaças legais atingiram familiares e amigos com a mensagem discreta: ou convertem o profeta ou podem ter dissabores com a justiça...
O profeta pareceu convertido mas continuou online com uma organização secreta: AFO=Anónimos-Futuro-Online. As fantasias substituíram a realidade inspirada nos 9DO, (3).
(1)
É do conhecimento geral que o exercício físico:
A depressão é uma verdadeira doença, o pensamento positivo pode ajudar mas algumas vezes pode servir como um palhaço num funeral...Etiquetas: Auto-estimaautorcolunadepressãodoresexercício físicoresistência física e psicológicaromanceRui Cardoso MartinsSAÚDESe Fosse Fácil Era Para os Outros
(2) Inspirado em certa publicidade atual.
(3) Inspirado numa publicidade que passou de 5 milhões a alguns milhares...
P.S.
Vou procurar o melhor que encontrar online, escrever o meu ebook e convidar os autores citados, rigorosamente selecionados, para colaborarem ao livro do século, com o melhor para o futuro online.
Internet ocupou a maioria do meu tempo em muitos dos meus últimos 12 anos, foi apresentada como como causa de divórcio e ruína económica,... De facto se o meu tempo online fosse para a minha profissão ou para ganhar dinheiro com Internet tudo poderia ser diferente... Mas eu sonhava ser um profeta, missionário online ou revolucionário do futuro e acabei por cair na miséria económica. 
Neste momento procuro formas de ganhar online com ética, honestidade e utilidade social global. Mas nas formas atuais de ganhar online encontro muitas formas de perder tempo e aquilo a que eu chamo PMM=Prostituição-Moral-Mental: dizer aos amigos, familiares e fãs que se gosta do que não se conhece, chamar melhor ao pior, dizer que devem absolutamente comprar ou receber gratuitamente um cavalo de Troia...
Vou escrever caricaturas de personagens reais, alguns nunca saberão, outros serão os únicos a saber porque só se lhes disser …
O MEO=milionário-espertalhão-online escreveu o seu ebook M7D=Milionário em 7 Dias com as suas técnicas de fazer milhões em 7 dias: comprou o site do Facebook com mais fãs e sem revelar que tinha mudado de propriedade mandou a mensagem que tinha comprado os direitos de revenda de um ebook de €100 para vendê-lo por €1. Tinha pagado €1.000 mas vendendo 10.000 a 10% dos seus fãs já ganhara €9.000. Todos podiam ganhar pois ele agora vendia por €100 o direito de revenda...
Imaginemos milhões de fãs de um personagem famoso pela sua honestidade e informações úteis a serem enganados por um espertalhão da publicidade que compra a sua página do Facebook …
Recordo um a explicar os lucros com a compra da página de fãs de um concorrente. Legal? Moral? Milhões de fãs de uma personalidade podem ser vendidos com a página? Não é tratar seres humanos como escravos? Uns ganham dinheiro aproveitando as novas tecnologias e eu perco o meu tempo com a moral do que devia ser a ética online?
Escrever um capítulo do eBook do ano e uma frase do livro do século...?
No futuro serão escritos mais eBooks e menos livros. Vários autores ensinam como escrever um eBook em menos de uma hora. Daqui resultará a proliferação de eBooks e muita perda de tempo para encontrar a verdade e qualidade na selva da banalidade e falsidade. Tenho a impressão de que um dos mais populares jornalistas e escritores italianos, atingiu o máximo de popularidade em 2010-2012 quando deixou online os seus mais populares discursos com a mentira do século. Não tenho a mínima dúvida de que a mensagem de uma sua mentira foi milhões de vezes mais escutada, reproduzida e divulgada em meio mundo do que a minha verdade a explicar porque era mentira. Publiquei 3 livros onde possivelmente estão verdades mais importantes para o futuro do que muitas mentiras dos jornalistas mais populares. Mas muitos preferem divertir-se com a mentira populista do que pensar a verdades inteligentes.
Queria escrever muito mas passei horas a escrever estas frases e procurar a fonte da mentira do ano... Mas não a encontrei. Só as minhas referências a essa mensagem. Desapareceu? Ou a inteligência dos motores de busca eliminou a maior mentira do ano do jornalista mais popular de Itália?
Será melhor recuperar e divulgar o que escrevi? Testamento da minha inteligência contra certo populismo? Ou perda de tempo com a minha presunção de inteligência contra certo populismo?
Naveguei online para aprender a escrever um ebook em pouco tempo, aprendi que terminando as buscas de Google com “filetype:pdf” aparecem ebooks sobre o argumento que normalmente são melhores das procuras generalizadas. 
Os pensamentos e palavras, sobretudo escritas, acabam por influenciar a vida. As minhas palavras neste diário têm de ser positivas, criativas, ideias para um futuro melhor. O suicídio e depressão podem ser tratados de forma irónica, para rir e dissuadir de passar à realidade...  
A depressão tem de ser curada. É uma verdadeira doença que pode progredir e terminar no suicídio. A cura pode começar por ir ao médico, medicamentos, psicanálise, psicoterapia, pensamento positivo...
Procurei na Internet: Como curar a depressão, salvar do suicídio e viver mais feliz? Encontrei 419.000 resultados. Procurei: Como curar a depressão, salvar do suicídio e viver menos infeliz. Encontrei 2.250.000 resultados. Procurei: Depressão, suicídio, viver, infeliz, feliz, filetype.pdf. Encontrei 92 resultados. Procurei: Depressão, suicídio, viver, infeliz, feliz. Encontrei 4.050.000 resultados. Descarreguei muito para ler mas não sei se será melhor ler argumentos mais positivos. 
Comecei a eliminar e cancelar-me de tantas emails newsletter que prometem ganhar dinheiro fácil...
Não deverei pensar, ler ou escrever nada de depressão ou suicídio mas só de positivo, criatividade, fantasias e sonhos para um mundo melhor?
Caí na rede da publicidade dos milionários dos fáceis ganhos ou no melhor sistema de ganhar online com mais ética e utilidade social?
Convenceram-me várias das pessoas com mais ética que conheci online. Sou uma vítima do sistema e procuro novas vítimas? Mais uma perda de tempo? Ou só provando posso saber e desmascarar o sistema se não for ético e socialmente útil?
Um engenheiro de sucesso, político por acaso pouco antes da reforma com relativo sucesso local, encontra-se na reforma com necessidade de ocupar o tempo e ganhar mais. Imagino que seja dos poucos a ganhar muito com este sistema. Imagino que se encontrava numa idade ainda com muita energia e prioridade a ganhar dinheiro fácil. Se fosse uma pessoa com ideais políticos para um mundo melhor ou se a política desse mais resultados económicos da publicidade seria mais útil como político?
Estas minhas divagações estão a roubar-me tempo que poderia desde já utilizar para ganhar dinheiro online? Ou ficarão para a história de um missionário-apóstolo para um futuro melhor?
Deixei comentários online: 
Ilegal ou imoral? A VLT=Velha-Legalidade-Tradicional é muitas vezes uma estúpida estrutura ao serviço da máfia e dos piores mafiosos,com custos enormes dos mais honestos contribuintes para os prejudixcar ainda mais em vez de os benefiar. Muitas das minhas ideias sobre este assunto encontram-se romanceadas no livro de Rui Cardoso Martins que obteve o maior prémio literário de Portugal em 2009: “DEIXEM PASSAR O HOMEM INVISÍVEL”. Não creio que ... seja ilegal para as leis americanas. Mas será moral?
Ser específico e manter o objetivo para determinado público é um dos melhores meios de ser útil a muitos com menos danos colaterais para poucos.

Para ser eficaz, o seu blog deve: “Navegação e Design para Dirigir (ações) e Servir (audiências)… para o seu… permitir aos visitantes atingir facilmente o seu objetivo… Use fonte para transmitir credibilidade e personalidade… A cor desempenha um papel extremamente importante no seu blog… o verde é muitas vezes referido como uma cor de “concentração” ou “harmonia”… o uso de uma margem verde, destaques, ou fundos, pode ser uma boa ideia…  verde-escuro é visto como a cor do dinheiro, ao passo que a cor padrão verde seria a cor de concentração… o tipo mais comum de daltonismo (99%) é a deficiência de vermelho / verde.” 4 Dicas Rápidas Para Tornar o Seu Blog Mais Eficaz.

Corrigi: ONU-W-GOV: Rui Cardoso Martins, “Deixem passar o homem ...

Rui Cardoso Martins, “Deixem passar o homem invisível” e a justiça de Itália a Portugal, com retorno, (FFF, PTV, GGGA )

Rui Cardoso Martins foi a Itália para escrever o livro: "Deixem passar o homem invisível". Un italiano passou férias em Portugal, levou para Itália o livro e traduziu para o seu blog em italiano algumas das minhas ideias romanceadas por Rui Cardoso Martins. Encontram-se no seu blog vários dos meus comentários e sua resposta: Letture – Deixem passar o homem invisível « I Sogni Ferrosi. Concorda comigo quando critico a justiça italiana, (para mi uma das piores que conheci no mundo), mas atribui as culpas a Berlusconi. Discorda do quarto governo de Berlusconi, em minha opinião e de alguns italianos: o melhor contra a máfia depois de Mussolini, destruído de certos magistrados, certos políticos e certa opinião pública mais interessados à banalidade do caso Ruby do que a fazer justiça aos piores mafiosos. Creio que uma banalidade favoreceu os interesses da grande criminalidade e impediu os objectivos mais inteligentes de Berlusconi e seu quarto governo: eliminar a máfia e reformar a justiça.  
O GRANDE MAFIOSO, GRANDE LADRÃO e GRANDE ADVOGADO,  a pequena injustiça tradicional e revolução ou vergonha
ONU-W-GOV: "Deixem Passar O Homem Invisível", justiça, ilusões e ...
ONU-W-GOV: Arte, artistas, provocações, elites ou espertos a gozar ...
ONU-W-GOV: À Associação Portuguesa de Apoio à Vítima, (APAV ...
 Mostrar mais resultados de onu-w-gov.blogspot.corepetir a consulta, incluindo os resultados omitidos.
Ciberescritas » Novo romance de Rui Cardoso Martins sairá em Abril ...
ONU-W-GOV: Neo=novo, ético, global, electrónico, com a ...
Rui Cardoso Martins, Giustizia, ggga, "Neo-Machiavelli".    

Se Fosse Fácil Era Para os Outros”: terceiro romance de Rui Cardoso Martins